Siga o Jornal de Brasília

Saúde e Bem Estar

Covid-19: número de vacinados se aproxima dos 90 mil no DF

A segunda dose da vacina CoronaVac deve ser aplicada entre 14 e 28 dias após a primeira. Devido ao curto espaço de tempo, a metade das doses recebidas foram reservadas para a segunda aplicação

Publicado

em

Desde o início da vacinação contra a Covid-19 no Distrito Federal, no dia 19 de janeiro, já foram 85.763 vacinados até o boletim desta quarta-feira (3). Ao todo, foram recebidas 125.160 doses da vacina CoronaVac, que é produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac, além de 41,5 mil doses da vacina Covishield, desenvolvida pela universidade inglesa de Oxford, com a farmacêutica sueco-britânica AztraZeneca.

A segunda dose da vacina CoronaVac deve ser aplicada entre 14 e 28 dias após a primeira. Devido ao curto espaço de tempo, a metade das doses recebidas foram reservadas para a segunda aplicação. Já a vacina Covishield, esse intervalo é de até 90 dias. Devido a isso, todas as doses que chegaram ao DF serão utilizadas.

Cerca de 5% das doses recebidas fazem parte da reserva técnica para suprir possíveis perdas que possam acontecer ao longo da campanha. Dessa forma, há estoque uma eventual reposição.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Nesta fase, serão imunizados trabalhadores da saúde que têm contato direto com pacientes com Covid-19, incluindo trabalhadores do setor administrativo que fazem a ficha de pacientes nos hospitais que atendem esses pacientes, auxiliares de limpeza dos hospitais e unidades básicas de saúde e vigilantes. Também estão incluídos idosos acima de 60 anos e pessoas com deficiência a partir dos 18 anos que vivem em unidades de acolhimento, e indígenas.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta