Cientistas afirmam que coronavírus pode ser transmitido pelo ar

Cientistas afirmam que partículas de saliva muito pequenas podem percorrer um cômodo de um canto a outro

239 cientistas de 32 países elaboraram um estudo que apontaria indícios de que o novo coronavírus seria passível de ser transmitido pelo ar. O grupo de estudiosos pede que a Organização Mundial da Saúde (OMS) revise as recomendações para combater a pandemia. As informações foram divulgadas pelo jornal New York Times, no sábado (4).

De acordo com a OMS, a Covid-19 é transmitida através de gotículas que são expelidas da boca e do nariz de pessoas contaminadas. Os cientistas afirmam, no entanto, que partículas muito menores também podem contaminar as pessoas.

“Estamos cientes do artigo e estamos analisando seus conteúdos com nossos especialistas técnicos”, disse o porta-voz da OMS, Tarik Jasarevic.

Os cientistas frisam que, caso o vírus seja transmitido através dessas partículas menores, uma pessoa poderia ser infectada a uma distância de um cômodo.  Os estudiosos afirmam ainda que o coronavírus é transmissível pelo ar e pode infectar as pessoas quando inalado.

No entanto, de acordo com a OMS, os indícios não são convincentes.

“Especialmente nos últimos dois meses, dissemos várias vezes que consideramos a transmissão pelo ar possível, mas certamente não comprovada por indícios firmes ou sequer claros”, disse a doutora Benedetta Allegranzi, principal autoridade técnica de prevenção e controle de infecções da organização.

Send this to a friend