Nova edição do Inventário da Obra de Athos Bulcão em Brasília é lançada pelo Iphan

Athos Bulcão

Em 2018 é celebrado o centenário do nascimento de Athos Bulcão, figura fundamental na formação da capital federal como um lugar único

Para comemorar, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), por meio de sua Superintendência no Distrito Federal, lança, no dia 30 de julho, o Inventário da Obra de Athos Bulcão em Brasília.

O livro é fruto do inventário da obra de Athos Bulcão, trabalho realizado pelo Iphan/DF entre 2008 e 2009, e publicado em 2010. Na ocasião, foram documentadas 261 peças, que revelam a sensibilidade, a multiplicidade e a riqueza do universo criativo do artista. Várias de suas criações estão sob tombamento federal desde 2007, por serem obras de arte integradas aos diversos edifícios projetados por Oscar Niemeyer em Brasília, garantindo sua proteção legal e valorização.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


O novo exemplar, de mais de 200 páginas, é um livro conceitualmente ampliado, revisado em seu conteúdo e com uma concepção gráfica lúdica e inventiva. A preocupação foi de, não só atualizar o exemplar anterior, mas torná-lo mais bem ajustado à arte, à sensibilidade e à gentileza do homenageado, brasiliense por opção e acolhido enquanto tal pela cidade. Assim, o Iphan homenageia Athos Bulcão e sua obra, considerada como um legado artístico imprescindível para a constituição do Patrimônio Cultural de Brasília, cidade ícone do Movimento Moderno de Arquitetura.

Neste novo trabalho, foram reavaliados o inventário e a publicação de 2010, revisando-se os textos e checando-se a existência de alguns painéis e murais. Também foram feitas novas fotos. A Fundação Athos Bulcão, responsável pela guarda do acervo do artista, acompanhou a produção do livro, esclarecendo dúvidas e atualizando informações. O lançamento da publicação será no dia 30, às 18h, na Sala Mário de Andrade, na sede do Iphan, em Brasília.

Na oportunidade, também será prestada homenagem ao arquiteto, restaurador e artista plástico, Fernando Madeira, servidor aposentado do Iphan, pelos seus 80 anos. Madeira tem uma obra expressiva, tanto na arquitetura, com importantes projetos de restauro no Centro-Oeste, quanto nas artes plásticas, onde acaba de realizar, no Museu Nacional de Brasília, uma exposição retrospectiva de sua trajetória.

História

A convite de Oscar Niemeyer, arquiteto e amigo, Athos Bulcão passou a integrar o corpo oficial da equipe responsável pela construção da nova capital federal do Brasil, em 1957. Seu primeiro trabalho para a cidade foi o painel de azulejos que reveste as paredes externas da Igreja Nossa Senhora de Fátima, conhecida como Igrejinha – construída ainda no mesmo ano, na Asa Sul do Plano Piloto.

Tratar da identidade imagética de Brasília remete às expressões do modernismo e de personagens icônicos a exemplo de Niemeyer, Bulcão e Lucio Costa. Muitos outros profissionais participaram do período pioneiro de construção da cidade e contribuíram decisivamente para o cenário urbanístico, arquitetônico e artístico da nova capital do país. No entanto, os três são o símbolo da identidade estética da cidade, cujo   conjunto urbanístico é tombado tanto pelo Iphan quanto pelo governo local, e também reconhecido pela Unesco como Patrimônio Mundial, desde 1987. Além disso, entre eles, apenas Athos Bulcão fixou residência definitiva em Brasília (em 1958) e, embora carioca, assumiu a cidade como se fosse sua terra natal.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

“Athos Bulcão não era arquiteto, mas sua arte se integrou não só às obras de Lucio Costa e Oscar Niemeyer, mas às de outros importantes arquitetos brasileiros, numa rara e bela complementaridade entre arquitetura, urbanismo e artes plásticas”, comenta o superintendente do Iphan/DF, Carlos Madson Reis. “E aqui não há de falar em mera justaposição de elementos artísticos e arquitetônicos ou do eventual caráter decorativo dos primeiros. Trata-se da fusão indissociável de meios e linguagens estéticas distintas, que se fundem para formar uma nova e única composição artística, com sua própria personalidade, beleza e harmonia”, completa.


Serviço
Lançamento do Inventário da Obra de Athos Bulcão em Brasília
Data: 30 de julho de 2018, a partir das 18h
Local: Sala Mario de Andrade, Sede do Iphan
SEPS 713/913 – Asa Sul – Brasília – DF
Entrada franca
Classificação livre

BDF na Rede

         

PUBLICIDADE

Outubro, 2018

Filtrar eventos

Sem eventos

PUBLICIDADE
X

Send this to a friend