Siga o Jornal de Brasília

Política e Brasil

Bolsonaro diz que STF interfere em todos os poderes e sugere impeachment de ministros

Publicado

em

Após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de ordenar que o Senado abra a CPI da Pandemia, o presidente Jair Bolsonaro se manifestou contra a corte. Para Bolsonaro, “há uma interferência do Supremo em todos os Poderes”.

“Não há dúvida”, declarou o presidente, em entrevista à CNN Brasil. Bolsonaro sugeriu ainda que o Senado aprecie pedidos de impeachment de ministros do Supremo.

“Agora, no Senado, tem pedido de impeachment de ministro do Supremo. Eu não estou entrando nesta briga, mas tem pedido. Será que a decisão não tem que ser a mesma também, para o Senado botar em pauta o pedido de impeachment de ministro do Supremo?”, indagou.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

O presidente falou ainda em uma espécie de união dos três poderes. “Não está na hora de, em vez de ficar procurando responsáveis, unir Supremo, Legislativo, Executivo para a busca de soluções?”.

Para Bolsonaro, a CPI da Pandemia vai mostrar que o governo federal fez “o possível” e que está “no caminho certo”. “O que que vai levar a abertura da possível CPI? As provas que estamos no caminho certo, que fizemos tudo o possível estão aí.”

Barroso manda abrir CPI

Na noite desta quinta-feira (8), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, determinou que o Senado Federal instalasse uma CPI para investigar a conduta do governo durante a pandemia de Covid-19.

A decisão deverá ser cumprida pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. O requerimento de criação da CPI será lido em plenário. Pacheco criticou a abertura e insinuou que a medida pode servir de palanque político. “A CPI poderá, sim, ter um papel de antecipação de discussão político-eleitoral de 2022, de palanque político, que é absolutamente inapropriado para este momento da nação.”

Para os demais senadores, a fala de Pacheco evidencia a “resistência pessoal” do presidente do Senado sobre a abertura da CPI. “Não há qualquer justificativa plausível para a não instalação da CPI”, criticam.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta