Estados Unidos chegam a 100 mil mortos pela covid-19

A marca de 100 mil mortes foi atingida 91 dias depois da primeira morte registrada pela covid-19 nos Estados Unidos

Os Estados Unidos chegaram nesta quarta-feira, 27, à marca de mais de 100 mil vítimas da covid-19. O país é o que mais registra casos da doença causada pelo novo coronavírus e também o que mais soma mortes em decorrência das contaminações. Segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins, às 19h de hoje eram 100.047 mortos em decorrência da covid-19 nos Estados Unidos. O segundo país com mais óbitos é o Reino Unido, com 37 542 vítimas fatais do coronavírus.

Nos dados divulgados no fim da tarde de hoje pelo Centro de Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês) americano, eram 99 031 óbitos, 770 a mais do que ontem. O total de infectados no país é de 1.678.843, segundo o CDC, e de 1.695.776 segundo a Johns Hopkins.

A marca de 100 mil mortes foi atingida 91 dias depois da primeira morte registrada pela covid-19 nos Estados Unidos, ocorrida em Seattle, no Estado de Washington, em 26 de fevereiro Posteriormente, outros estudos passaram a indicar mortes por Covid-19 que teriam acontecido em 6 de fevereiro, o que faria o espaço temporal entre a primeira morte e o marco de 100 mil óbitos aumentar para 111 dias.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

seis + 5 =

Mais lidas

Send this to a friend