Agressor deve pagar SUS por atendimento a vítima de violência familiar, decide CCJ

O agressor deve ressarcir ao Sistema Único de Saúde (SUS) os custos relacionados ao atendimento de vítimas de violência doméstica e familiar. Além disso, deve pagar por sistemas de proteção às vítimas

É o que diz projeto de lei aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). O senador Roberto Rocha (PSDB-MA) defendeu a iniciativa (PLC 131/2018), que, se aprovada no Plenário, seguirá para sanção presidencial.

A reportagem é de Bruno Lourenço, da Rádio Senado.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend