Siga o Jornal de Brasília

Política e Brasil

Mais fieis a Lula se distanciam 2 meses após prisão

Publicado

em

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Embora Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tenha 30% das intenções de voto mesmo após dois meses na prisão, o Datafolha captou sinais de que até os mais fieis eleitores lulistas se distanciaram depois que ele saiu de cena.

Quando os eleitores expressam preferências espontaneamente, sem analisar a lista de candidatos, o petista só é mais lembrado do que Jair Bolsonaro (PSL) no Nordeste e pelos que têm renda mais baixa —e as menções a Lula caíram nos dois segmentos desde abril.

Apesar de haver dúvida sobre a forma como a Justiça irá barrar a candidatura do ex-presidente, petistas e integrantes do Tribunal Superior Eleitoral concordam na avaliação de que o placar na corte será desfavorável a Lula.

Mesmo que o registro não seja impugnado de ofício no TSE, o PT se prepara para uma avalanche de pedidos contra Lula. O Ministério Público, candidatos e partidos podem pedir impugnação.  (Folha Painel)

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta