Siga o Jornal de Brasília

Política e Brasil

Operação em quatro morros do Rio resulta na prisão de 16 pessoas

Avatar

Publicado

em

A operação realizada pelas polícias do estado do Rio, com o apoio das Forças Armadas, da Força Nacional de Segurança e Polícia Federal com intuito de prender lideranças do tráfico de drogas resultou em 16 pessoas presas na manhã desta sexta-feira em morros da região central da cidade.

16 suspeitos foram presos em flagrante e quatro tinham mandado de prisão expedidos pela justiça. Além desses, outros quatro que também eram alvo de mandados de prisão já estavam cumprindo outras penas em presídios do Rio e vão receber mais uma penalidade, totalizando 20 pessoas.

O sub-secretário de comando e controle, Rodrigo Alves, destacou que durante a operação realizada nos morros de São Carlos, Querosene, Zinco e Mineira, a polícia pode identificar formas de atuação do grupo, que tem ligação com as tentativas de invasão da Favela da Rocinha.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Entre os presos, está Gabriel Teixeira Mendes, segurança do traficante Ramon Aleluia, conhecido como Manga. Segundo as investigações da polícia, Ramon seria o designado pelo traficante Nem da Rocinha para assumir o controle de drogas após a invasão da comunidade.

Ainda de acordo com os números apresentados na coletiva de imprensa foram apreendidas 111 munições, 4 pistolas, um revólver, uma granada e drogas. Seis veículos roubados também foram recuperados.

O almirante Roberto Rossatto também presente à coletiva, apresentou os gastos desde o início das operações conjuntas entre as forças do Rio e as forças nacionais, no mês de agosto. Segundo ele, já foram empregados cerca de R$ 25 milhões.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

O valor corresponde à cerca de 50% do total previsto para seis meses de operação. Cerca de 4 mil alunos ficaram sem aulas nesta sexta-feira em decorrência dessa operação na região do centro do Rio.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *