Siga o Jornal de Brasília

Internacional

Coreia do Norte trabalha em novos mísseis, diz jornal

Publicado

em

Coreia do Norte lança novo míssil, que sobrevoa o Japão e cai no Pacífico

NOVA YORK – Apesar do congelamento da tensão com os Estados Unidos, a Coreia do Norte estaria construindo novos mísseis na mesma unidade onde foram fabricados os primeiros projéteis intercontinentais capazes de atingir os Estados Unidos.

A informação é do jornal “The Washington Post”, que cita fontes dos serviços de inteligência norte-americanos. “Novas provas indicam atividades em curso em ao menos um e talvez dois ICBMs [sigla em inglês para míssil balístico intercontinental] no centro de Sanumdong”, afirma o diário.

A revelação não significa um aumento da capacidade armamentista da Coreia do Norte, mas mostra que Pyongyang continua trabalhando em armas avançadas. Nos últimos meses, o líder Kim Jong-un anunciou a interrupção de seu programa nuclear e de desenvolvimento de mísseis de longo alcance, mas não falou em parar de trabalhar com as tecnologias já obtidas.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

“Não há mais necessidade de testes nucleares ou balísticos”, afirmou Kim em abril passado. No fim de junho, relatórios de inteligência citados pela “NBC” indicavam, no entanto, que a Coreia do Norte continuava enriquecendo urânio.

Kim teve uma histórica reunião bilateral com o presidente Donald Trump em 12 de junho, em Singapura, na qual ambos se comprometeram com a “paz duradoura” e a “desnuclearização” da Península Coreana. (ANSA)

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *