Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Quero todos fazendo cobranças, diz Ibaneis sobre gestão

Publicado

em

Na manhã desta terça-feira (26), o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), entregou mais de 200 carteiras nacionais de artesão a trabalhadores desse segmento. Durante a cerimônia no Salão Branco do Palácio do Buriti, o mandatário lembrou que cobranças fazem o governo acontecer.

“Quero todos fazendo cobranças, exigências para o governo para assim trabalharmos mais e mais”, disse Ibaneis para os artesãos.

Durante a cerimônia, também foram credenciados cerca de 100 alunos que fizeram curso de artesanato por termo de fomento. Na ocasião, foi lançada oficialmente a Oficina do Saber, com a presença de alguns artesãos que produziram peças na hora.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

O governador do DF destacou que a carteira é um modo de reconhecer todo o trabalho desempenhado pelos artesãos. “Vocês sentem que vivem um momento de reconhecimento do GDF […] Essa carteira nacional é um símbolo que demonstra o reconhecimento”.

O documento habilita legalmente o profissional e permite que participe de feiras e eventos no Brasil e no exterior.

Ibaneis Rocha ainda ressaltou o trabalho da Secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça. “Tive a ousadia de chamar a Vanessa para a secretaria de Turismo tendo visto ela somente uma vez. Requalificamos os pontos de vendas, de atendimento ao turista e isso foi demonstrando o acerto da decisão. Vanessa tem feito muito pela cultura e pelo artesanato”

Assinatura do decreto da volta às aulas

Mais cedo, durante o evento de assinatura da ordem de serviço para a obra do corredor de ônibus do Setor Policial Militar, Ibaneis Rocha disse que pretende assinar o decreto de volta às aulas ainda hoje.

O governador lembrou sobre a preocupação de alguns setores da educação sobre a volta às aulas, mas reafirmou que a cidade precisa voltar à normalidade.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

“Está na hora de dar um passo adiante e avançar. Pensamos nas nossas crianças, pois precisamos delas dentro das salas de aula evitando a evasão escolar que aumentou muito nos últimos períodos”, afirmou Ibaneis.

Continue lendo
Publicidade