Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Latas de leite arrecadadas em ação da Sejus são entregues à campanha Solidariedade Salva

Publicado

em

As latas de leite doadas pelos participantes da 1ª Corrida do Sejuquinha, promovida pela Secretaria de justiça e Cidadania (Sejus) no Dia das Crianças, foram entregues, nesta quarta-feira (27), à campanha Solidariedade Salva, coordenada pela Subchefia de Políticas Sociais e Primeira Infância do gabinete do Governador. Os itens serão destinados a famílias em vulnerabilidade social do DF.

Segundo a secretária da Sejus, Marcela Passamani, esta iniciativa demonstra a integração dos projetos desenvolvidos pelo governo. “Fazemos parte de um governo só, uma gestão comprometida com políticas sociais e em levar dignidade, justiça social e garantia de direitos aos cidadãos. Nós trabalhamos juntos e integrando nossos projetos em busca desse objetivo”, completou.

A Corrida do Sejuquinha arrecadou cerca de 400 latas de leite. A doação desse item era obrigatória no processo de inscrição do evento, que foi destinado a crianças e adolescentes. “É uma alegria saber que fomos capazes de proporcionar momentos de lazer, diversão e integração a todas as famílias participantes da corrida, mas também incentivamos o espírito solidário”, afirmou a secretária.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Para a Primeira-dama do DF e Secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha, a doação realizada pela Sejus evidencia a adesão dos projetos e ações do GDF em prol das pessoas que mais precisam. “Quando deixamos o pensamento individual de lado e passamos a pensar no coletivo é possível transformarmos vidas”, comentou Mayara. “A doação de 375 latas de leite em pó cumprirá a função social de levar esperança para aqueles que mais precisam”, concluiu.

Solidariedade Salva

Movimento social em prol das pessoas em situação de vulnerabilidade no Distrito Federal, o Solidariedade Salva tem como objetivo “viralizar” o bem por meio de doações de alimentos para aqueles que mais precisam. O GDF aderiu ao movimento por meio da arrecadação de alimentos nos pontos de vacinação, e também como está recebendo doações de empresários e sociedade civil no Palácio do Buriti por meio da Subchefia de Políticas Sociais e Primeira Infância.

Continue lendo
Publicidade