Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Vacinação no DF: MP recebe mais de 90 denúncias de irregularidades

Avatar

Publicado

em

Foto: Breno Esaki/Saúde-DF

A força-tarefa do Ministério Público (MPDFT) que fiscaliza as ações de combate à Covid-19 recebeu mais de 90 denúncias de irregularidades na vacinação contra a doença no Distrito Federal até a quinta-feira (4). Das 90, 62 eram sobre  pessoas que foram vacinadas sem fazer parte dos grupos prioritários.

O MP afirma que pelo menos 20 locais de vacinação registraram situações suspeitas. “O Ministério Público está atento para que a vacinação ocorra de forma eficiente e seguindo as regras do plano elaborado pela Secretaria de Saúde”, afirmou o coordenador da força-tarefa, José Eduardo Sabo.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Desde o início da vacinação, integrantes da força-tarefa têm inspecionado os locais de aplicação. Após sugestões do MPDFT, houve alterações no fluxo de atendimento à população, com aumento do número de salas e organização de sistema drive-thru.

Até o momento, o Governo do Distrito Federal está vacinando apenas dois grupos prioritários: profissionais de saúde que atuam na linha de frente, indígenas e idosos de longa permanência; e idosos com 80 anos ou mais.

Saiba como denunciar

Para denunciar irregularidades na vacinação, o cidadão pode procurar a Ouvidoria do MPDFT. O atendimento é feito pelo telefone 0800 644 9500, de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 18h. Também é possível entrar em contato pelo formulário eletrônico.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

 

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *