Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

PF investiga grupo que usou aviões da FAB para tráfico internacional de drogas

Avatar

Publicado

em

A Polícia Federal realiza nesta terça-feira (2) uma operação para investigar um grupo criminoso que usou aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) praticar tráfico internacional de drogas. Aeronaves teriam saído do Brasil para buscar drogas na Espanha.

Além do tráfico de drogas, a ação investiga um suposto esquema de lavagem de dinheiro. A operação foi batizada de Quinta Coluna.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Agentes cumprem, nesta terça (2), 15 mandados de busca e apreensão em regiões do Distrito Federal. Na ação, foram encontradas porções de drogas em um dos suspeitos. Há mais duas ordens a serem cumpridas, mas estas estão sob sigilo. Também foi determinado o sequestro de imóveis e de veículos dos suspeitos.

As investigações tiveram início em junho de 2019, quando o sargento da Aeronáutica brasileira Manoel Silva Rodrigues foi detido por transportar 39 quilos de cocaína em um avião da FAB. Outras pessoas se associaram a Manoel no tráfico internacional. A Justiça Federal do DF tem em mãos elementos que indicam pelo menos mais uma remessa de drogas para a Espanha.

Quanto à suspeita de lavagem de dinheiro, as investigações apontaram ‘diversas estratégias do grupo para ocultar os bens provenientes do tráfico de entorpecentes, especialmente a aquisição de veículos e imóveis com pagamentos de altos valores em espécie’.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

 Os crimes de associação para o tráfico e lavagem de dinheiro têm penas que vão de 3 a 10 anos de prisão, lembra a PF.

A FAB não havia se posicionado até a última atualização desta matéria.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *