Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Setor de bebidas alcoólicas terá alíquota de 15% do ICMS mantida

Alíquota de 17% estava prevista para começar a valer em 2021. GDF afirma que a intenção “é mitigar os efeitos econômicos da pandemia no segmento de distribuição de bebidas alcoólicas”

Publicado

em

Com a aprovação do projeto de lei nº 1.634/2020, alterando a Lei nº 5.005/2012, que instituiu as condições e os procedimentos de apuração do ICMS aos contribuintes industriais, atacadistas ou distribuidores, o setor de bebidas alcoólicas terá a alíquota de 15% mantida. Estava prevista para entrar em vigor no primeiro dia do ano que vem o percentual de 17% e, no ano seguinte, 19%, por força de lei aprovada em 2019. A matéria, encaminhado pelo Poder Executivo, recebeu votos favoráveis de 17 parlamentares, enquanto Leandro Grass (rede) e Jorge Vianna (Podemos) se abstiveram.

Na justificativa que acompanhou a proposta, o GDF afirma que a intenção “é mitigar os efeitos econômicos que recaíram sobre o segmento de distribuição de bebidas alcoólicas, advindos da pandemia da Covid-19, numa tentativa de ajudar o restabelecimento do setor econômico e para evitar queda de arrecadação”. Sobre o aspecto orçamentário-financeiro, o governo explicou que já foram tomadas as providências para a inclusão da renúncia na Lei Orçamentária de 2021.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼
Leia também:  Projeto de Ceilândia oferece oficinas gratuitas de comunicação inclusiva

Com informações da CLDF

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta