Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Animais do Zoológico de Brasília ganham presentes de Natal

Publicado

em

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Além do cronograma de enriquecimento ambiental (saiba mais abaixo) fixado para o mês de dezembro, os animais do Zoológico de Brasília tiveram mais uma boa surpresa nesta semana. Com a chegada do Natal, o clima nos últimos dias foi de muitas surpresas e presentes para aves, répteis e mamíferos, que puderam aproveitar o período natalino com diversas lembrancinhas preparadas pelo Núcleo de Bem-Estar Animal (NBEA).

Os mimos fazem parte do programa de enriquecimento ambiental dos animais e foram tematicamente confeccionados durante todo o mês de dezembro. Dentre as surpresas estava um boneco de neve, produzido com bolas de papel machê para a onça-parda Loki. Além disso, meias natalinas, bolinhas de natal e caixas de presentes com comida foram distribuídas para outras espécies.

A chefe do NBEA, Marisa Carvalho, conta que os enriquecimentos são individualizados, de acordo com as características de cada espécie. “Nós observamos o comportamento de cada animal e estudamos a melhor forma para que ele possa interagir com o que lhe foi proposto. Neste período de Natal tivemos a ideia de desenvolver essas atividades de forma mais alegre e com o espírito natalino, já que tivemos um ano atípico”, explica.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Meias produzidas com material reciclável foram penduradas micário, recheadas de chips de batata-doce. Já os primatas das ilhas ganharam caixinhas de papelão, também com chips e uvas passas.

Leia também:  Quero todos fazendo cobranças, diz Ibaneis sobre gestão

Por sua vez, os felinos ganharam caixinhas com carne dentro, algo que já faz parte da alimentação convencional desses predadores. Os elefantes receberam um presente um pouco maior, proporcional ao seu tamanho, pois dentro dos recipientes tinha uma fruta inteira para eles se deliciarem.

“Os alimentos que foram selecionados para o enriquecimento de cada espécie não são aleatórios. Eles são escolhidos junto com o Núcleo de Nutrição, de acordo com que o animal mais gosta dentro do seu grupo alimentar, pois cada refeição que é ofertada para os animais segue uma dieta feita com base nas necessidades de cada indivíduo”, acrescenta Marisa.

Boneco de neve produzido com bolas de papel machê desperta a curiosidade da onça-parda Loki | Foto: Tiago Severo / Zoológico de Brasília

O Núcleo de Bem-Estar Animal é responsável por desenvolver atividades diárias para que os bichos saiam da rotina e tenham seus instintos naturais estimulados, por meio de novas experiências.

Leia também:  Parceria nas ações de saúde no socioeducativo

Enriquecimento ambiental

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Para que os animais não sofram com a rotina, atividades de enriquecimento são realizadas durante todo o ano com o objetivo de surpreendê-los positivamente, com estímulos saudáveis. Tais atividades são pensadas e estudadas para cada uma das espécies do Zoo, com o objetivo de promover a saúde física e mental de cada indivíduo.

m material reciclável foram penduradas micário, recheadas de chips de batata-doce. Já os primatas das ilhas ganharam caixinhas de papelão, também com chips e uvas passas.

Até o mês de novembro foram realizadas mais de mil atividades de enriquecimento para todos os animais do Zoo. As atividades são feitas tanto com os mamíferos quanto com as aves e os répteis.

No transcorrer do ano, os enriquecimentos são confeccionados de maneira mais simples, mas que geram o mesmo resultado de interação. Em algumas datas comemorativas, as estratégias de estímulo podem ser feitas de maneira temática, como foi o caso desta semana do Natal.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Com informações da Agência Brasília

Leia também:  Quero todos fazendo cobranças, diz Ibaneis sobre gestão

 

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta