Ibaneis determina novo fechamento de comércio em Ceilândia, Por do Sol e Sol Nascente

Cultos e missas, já autorizados a cerca de um mês na cidade, também voltam a estar proibidos, assim como shoppings e academias

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, publicou, na noite desta quarta-feira (8), em uma edição extra do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), determinação que suspende as ações de reabertura, determinadas no Decreto nº 40.939, de 02 de julho de 2020, em Ceilândia, no Sol Nascente e no Por do Sol. 

De acordo com o texto ficam suspensos, por prazo indeterminado, academias, shoppings, parques e comércios na região, que é a mais afetada pela Covid-19 no Distrito Federal.  

Também devem permanecer fechados salões de beleza, estabelecimentos comerciais, de qualquer natureza, inclusive bares, restaurantes, lojas de conveniências e afins,

Cultos e missas, já autorizados a cerca de um mês na cidade, também voltam a estar proibidos. 

O Decreto permite que supermercados, padarias, lojas de material de construção, petshops, lotéricas, lavanderias e agências bancárias continuem funcionando. 

Ceilândia é a cidade mais afetada pelo coronavírus no Distrito Federal. De acordo com a última atualização da Secretaria de Saúde, são 8197 casos e 154 mortes na região. 

Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

17 + nove =

Send this to a friend