Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Bombeiros que caíram com o helicóptero são liberados pelos médicos

De acordo com as autoridades, os exames periciais preliminares foram realizados ainda no local do acidente. Em virtude do acidente, o CBMDF passa a operar com apenas uma aeronave no DF

Avatar

Publicado

em

O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) informou na noite desta quinta-feira (30), que todos os integrantes da aeronave envolvida em acidente na manhã de hoje, passaram por exames e foram liberados pela equipe médica.

A aeronave modelo AS350-B2 Esquilo, foi fabricada em 2007 pela empresa Helibrás, operando desde então, no Serviço de Resgate Aéreo do CBMDF, com todas as revisões em dia, conforme determinam os órgãos de regulação.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

De acordo com as autoridades, os exames periciais preliminares foram realizados ainda no local do acidente, sob responsabilidade do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA). O órgão que conduzirá o processo investigativo para elucidação das circunstâncias e possíveis causas do acidente.

Em virtude do acidente, o CBMDF passa a operar com apenas uma aeronave no DF. Contudo, no final do ano de 2019, a Corporação recebeu uma aeronave apreendida pela Polícia Federal, que encontra-se em processo de manutenção detalhada e recuperação documental, para que seja inserida no socorro aéreo.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *