Coronavírus: Associação de Defensores do DF arrecadam 6,5 toneladas de alimento para doação

Comunidades de Brazlândia e São Sebastião receberam os donativos. O restante, será distribuído conforme mapeamento realizado pelo núcleo de Direitos Humanos da associação

Com a crise econômica e social, por conta da pandemia do novo coronavírus, a Associação dos Defensores Públicos do Distrito Federal (ADEP-DF), em parceria com a Defensoria Pública e a Escola de  Assistência Jurídica da Defensoria Pública, se uniram em uma ação que arrecadou cerca de 1.330 cestas básicas para distribuir entre as comunidades mais carentes do DF.

A campanha “Quarentena Sem Fome”, contou com doações dos defensores públicos e também pessoas da comunidade,  chegando a mais de 6,5 toneladas de alimentos arrecadados. Parte das doações já foram entregues, cerca de 400 cestas básicas.

Comunidades de Brazlândia e São Sebastião receberam os donativos. O restante, será distribuído conforme mapeamento realizado pelo Núcleo de Direitos Humanos da Defensoria Pública.

“Essa é uma atitude do ser humano, precisamos ser solidários. Numa situação como essas, precisamos ter empatia. Por isso fizemos isso, junto com a defensoria, foram quase sete toneladas de alimento. Vamos continuar com as distribuições”,  afirmou o presidente da ADEP-DF, Pablo Kraft.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

quinze − três =

Send this to a friend