Líder do PCC realiza exames no Hospital de Base

Força Nacional e Depen reforçaram segurança em torno da unidade na manhã desta terça-feira (21). Marcola fará exame de colonoscopia

Um forte esquema de segurança pegou de surpresa os cidadãos que trafegavam pelo Setor Comercial Sul (SCS) e pelo Setor Hospitalar Sul (SHLS) na manhã desta terça-feira (21). O Hospital de Base recebeu Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola, para realizar um exame de colonoscopia.

A Força Nacional e o Departamento Penitenciário Nacional (Depen), atentos à fuga de integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC) no Acre e no Paraguai, em um presídio que próximo à fronteira com o Mato Grosso do Sul, redobraram os cuidados em torno do líder máximo da facção criminosa. 

PCC no DF

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


O cuidado por parte das forças de segurança em relação à facção é relacionado a fatos recentes. Além das fugas, o PCC mostrou que vinha trabalhando para se instalar em Brasília. Uma célula alugou um imóvel em Taguatinga para receber membros e familiares dos membros da facção vindos de outros estados, além de advogados que trabalham para o grupo. Eles passaram quase um ano no local.

Investigações apontaram ainda que uma juíza recebeu um bilhete de um membro do PCC, enviado direto do complexo penitenciário e entregue à magistrada por meio de um “gravata”, um advogado que trabalhava para o grupo criminoso.

 

No último dia 7, a Polícia Civil (PCDF) deflagrou uma megaoperação contra a consolidação. A ação foi chamada de Guardiã 61. 

Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

dezessete + 12 =

Send this to a friend