Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Primeira-dama do DF protagoniza lançamento de Agosto Dourado

“Estou me dedicando de corpo e alma a esse tema. Me tornei mãe recentemente. Não tem como não me debruçar sobre o assunto e estimular as mães”, declarou Mayara Noronha

Avatar

Publicado

em

As políticas públicas de incentivo à amamentação no Distrito Federal são realizadas durante todo o ano. E, por isso, o Distrito Federal já se tornou referência em aleitamento materno. Mas no mês de agosto elas ganham um destaque maior com a abertura da campanha Agosto Dourado, uma iniciativa da Secretaria de Saúde do DF, e da Semana Mundial de Aleitamento Materno, promovida pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) em parceria com o GDF. A solenidade de lançamento das campanhas foi realizada nesta quinta-feira (1º) no memorial do Tribunal.

A cerimônia contou com a presença da primeira-dama do Distrito Federal, Mayara Noronha – que levou seu filho Mateus Noronha de Albuquerque Rocha, de sete meses, à solenidade –, da coordenadora de Políticas de Aleitamento Materno da Secretaria de Saúde do DF, Miriam dos Santos, além de servidores e servidoras do tribunal e outras autoridades.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼
Leia também:  A tatuagem como caminho para a ressocialização

Com o filho no colo, Mayara Noronha lembrou que o “mês dourado” é importante para todas as mães. “Vem com essa marca de que é o ouro, que é justamente o alimento que é considerado ouro para os nossos filhos. É o alimento mais rico, mais saudável, que transmite para os nossos pequenos amor, inteligência, saúde”, pontuou a primeira-dama, acrescentando que esse foi o primeiro evento oficial de que Mateus participa.

Mayara lembrou ainda que o índice nacional de mães que amamentam seus filhos exclusivamente com leite materno é de 41%. “E aqui no Distrito Federal nossa margem está em 61%, somos referência mundial. Estou me dedicando de corpo e alma a esse tema. Me tornei mãe recentemente. Não tem como não me debruçar sobre o assunto e estimular as mães”, frisou.

Leia também:  A tatuagem como caminho para a ressocialização

A coordenadora das Políticas de Aleitamento Materno da SES/DF, Miriam dos Santos, ressaltou que o dia é de orgulho para ela. “Há uma década venho a esse tribunal participar da abertura da Semana Mundial da Amamentação. A decisão de há três anos de considerar essa como a abertura oficial da Semana Mundial da Amamentação no DF é em reconhecimento ao trabalho que esse tribunal faz em prol das mães, das mulheres e das crianças”, afirmou.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Miriam disse ainda que, assim como o Poder Judiciário consegue apoiar as mulheres que trabalham ou frequentam os fóruns, há que se pensar em reproduzir a experiência em todo o DF.

“Essa responsabilidade que o tribunal tem no crescimento das cidades e também das nossas crianças é extremamente importante. Por isso, nós da Secretaria de Saúde, junto com parceria de vocês, temos o orgulho de que estejam no lançamento oficial. O TJ está investido na melhoria da saúde do DF porque a criança amamentada tem menos riscos de ter hipertensão, diabetes, sobrepesos, obesidade. A amamentação traz benefícios para o resto da vida e o TJDF planta uma semente que no futuro vai fazer a diferença para a saúde de nossa cidade.”

Leia também:  A tatuagem como caminho para a ressocialização

Com informações da Agência Brasília

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *