Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Seleção de conselheiro tutelar: locais de prova serão divulgados na sexta

Os candidatos deverão acertar pelo menos 60% da prova para avançar até as próximas etapas do processo

Publicado

em

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Os locais de aplicação da prova objetiva do processo de seleção dos conselheiros tutelares estarão disponíveis para consulta a partir desta sexta-feira (12), segundo edital publicado pelo Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente do Distrito Federal (CDCA/DF).

A prova objetiva será aplicada no próximo domingo (14), às 9h, pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). Os candidatos terão duas horas e 30 minutos para responderem as questões. 

A recomendação é que os inscritos compareçam ao local designado com antecedência mínima de uma hora antes do início do exame, levando caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente, do comprovante de inscrição e do documento de identidade original.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Os candidatos deverão acertar pelo menos 60% da prova para avançar até as próximas etapas do processo: análise de documentação, registro de candidatura e eleição dos candidatos pela população. 

Leia também:  Pdaf libera mais R$ 2,3 milhões para escolas do DF

No exame, serão avaliados os conhecimentos dos candidatos sobre os principais atos normativos relacionados aos direitos de crianças e adolescentes, como alguns artigos da Constituição Federal, o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e as leis distritais que tratam do funcionamento dos conselhos tutelares.

Além do exame, a função de conselheiro tutelar exige outros critérios, como experiência comprovada de no mínimo três anos na área da infância e adolescência e residir há pelo menos dois anos na região administrativa onde pretende atuar. 

Em relação à escolaridade, é exigido somente o ensino médio completo. É preciso ainda ter nacionalidade brasileira, ter idade igual ou superior a 21 anos, além de estar em dia com a Justiça Eleitoral e em pleno exercício dos direitos políticos. 

Votação

Após a comprovação dessas informações e da aprovação no exame, será possível o registro da candidatura, que é individual. Quem irá definir os próximos conselheiros tutelares é a população, por meio do voto direto e secreto no dia 6 de outubro de 2019.  Cada eleitor poderá votar em um candidato da região administrativa correspondente à seção onde o título de eleitor esteja registrado. 

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Vagas

No total, serão preenchidas 200 vagas para membros titulares e até 400 de suplentes. O DF tem 40 conselhos tutelares, cada unidade tem 5 cinco conselheiros titulares e 10 suplentes. Os conselhos são vinculados administrativamente à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus-DF).

Leia também:  Quero todos fazendo cobranças, diz Ibaneis sobre gestão

O valor da remuneração mensal é de R$ 4.684,66. O exercício dessa função será em regime de dedicação exclusiva ao serviço, ou seja, os conselheiros não poderão ter qualquer outra atividade profissional remunerada, pública ou privada.

Com informações da Agência Brasília

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta