Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Noite violenta em Brasília. Homem leva facada e morre na Asa Sul

Publicado

em

Dois assassinatos na madrugada desta segunda-feira (04) acenderam as luzes de alerta na Secretaria de Segurança Pública do DF

Na 504 Sul, testemunhas relataram à Polícia Civil que uma discussão por volta das 3h pode ter sido o estopim para o crime.

O homem de 42 anos, identificado como A.L.F.J, levou uma facada e não resistiu ao ferimento. Havia outras pessoas no momento, mas elas disseram que estavam dormindo e não viram a agressão. Elas acordaram quando a vítima já havia falecido e com a presença da polícia no local. A 1ª DP (Asa Sul) investiga o caso.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

O outro homicídio também ocorreu por volta das 3h, só que na EQNM 2/4, em Ceilândia. O homem morreu após ser alvejado por três disparos de arma de fogo, em via pública. A autoria do crime ainda é desconhecida e a vítima não havia sido identificada pela Polícia Civil.

Leia também:  ‘DF Sem Miséria’ libera o benefício para 73.617 famílias

O caso é investigado pela 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia Centro). O celular do homem assassinado no meio da rua foi apreendido, além de pertences pessoais e R$ 151,75, em espécie. ​

Violência 

O balanço parcial do Carnaval feito pela Polícia Militar do DF registrou que a área central de Brasília foi a mais violenta deste carnaval, ao menos 12 pessoas foram esfaqueadas. De acordo com o Corpo de Bombeiros (CBMDF), houve outras quatro vítimas feridas com “instrumentos perfurocortantes”.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Durante uma ação da polícia, um PM teve a perna cortada por faca ao prender um ladrão de celulares e outro militar foi ferido no braço ao receber uma garrafada. A agressão ocorreu no momento em que um bandido que roubava celulares foi detido.

Leia também:  Mais um beco da rota acessível recuperado no Cruzeiro Velho

Três seguranças mulheres da empresa Grifo foram agredidas por um homem. O suspeito teria sido contido e espancado pelos seguranças masculinos da festa. A PM chegou e encontrou o acusado aparentemente desacordado.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *