Construtora apresenta ao GDF projeto para construção de ponte no Paranoá

Lançado concurso para projeto que revitalizará a orla do Lago Paranoá

Parceria público-privada (PPP) poderá viabilizar uma nova ponte e bairro em área de 320 hectares

A construtora JC Gontijo divulgou um esboço de projeto de parceria público-privada (PPP) para o Governo do Distrito Federal (GDF) visando a construção de uma ponte no Paranoá e unidades habitacionais. O governador Ibaneis Rocha acompanhou a apresentação e marcou novo encontro para obter mais detalhes e a possibilidade de viabilização do negócio.

Na PPP, o setor privado ficaria responsável por construir a ponte e todo o sistema viário, bem como cuidar da manutenção. Faria também as obras das unidades habitacionais do São Bartolomeu – transformado em um novo bairro – para, em seguida, incorporá-las. O governo participaria com os terrenos e aporte e uma contraprestação mensal.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


“A ideia é fazer por meio de PPP colocando um novo setor habitacional, que seria o São Bartolomeu, mas, também, tem existe a possibilidade de financiamentos internacionais. Estamos tentando liberar o Distrito Federal para esses financiamentos e vamos ver qual a melhor modelagem para essa obra”, explicou o governador.

Equipamentos públicos

Caberia ainda ao setor privado construir equipamentos públicos (escolas, praças, posto de saúde, ciclovias) e manter e conservar o bairro, como nos moldes do contrato da PPP do Setor Jardins Mangueiral. A área utilizada seria de aproximadamente 320 hectares, sendo 160 para urbanização. O restante seria transformado em parque.

“Mais de 100 mil habitantes trafegam todos os dias ali. Os condomínios cresceram muito, os caminhões de carga também e há um fluxo de veículos muito grande. A barragem do Paranoá não foi feita para ser meio de transporte. Fico feliz de saber que já existe esse projeto”, afirmou Ibaneis.

A proposta é para viabilizar uma alternativa de sistema de transporte ao da barragem do Paranoá. Assim, seria necessário um sistema viário para conectar tanto o lado do Lago Sul pela DF 001 e Estrada Parque Dom Bosco (EPDB), como do Paranoá, pelas DF 001 e 005. A previsão de localização da ponte ficaria em paralelo e próxima à barragem. Acima ou abaixo a depender dos estudos e custos da obra.

Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

4 + onze =

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend