Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Polícia Militar e estudantes da UnB entram em confronto na Esplanada

Publicado

em

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Um protesto de cerca de 40 estudantes da Universidade de Brasília (UnB) no Ministério da Educação terminou em corre-corre, tiros de balas de borracha e bombas de gás por volta das 12h30 desta quinta-feira (26), após um confronto com a Polícia Militar. Quatro pessoas foram detidas.

Os estudantes estavam enfileirados, com máscaras e placas de madeira, na via de acesso ao ministério, a cerca de 20 metros de distância da tropa de choque da PM. Os alunos cantaram em coro que os policiais “estavam do lado errado”, quando um militar lançou uma bomba na calçada.

A partir desse momento, a PM avançou sobre os alunos a pé e com a cavalaria, lançando bombas. O movimento foi dispersado até chegar à Rodoviária do Plano Piloto. Até a última atualização desta reportagem, não havia informações sobre feridos.

Leia também:  Exposição Alquimia Na Dança entra em cartaz no Jardim Botânico de Brasília

Também nesta quinta (26), um protesto com cerca de 1,5 mil indígenas fechou os dois sentidos do Eixo Monumental. Neste, não houve confronto.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Histórico

É a segunda vez neste mês que os alunos da UnB e a PM se desentendem na Esplanada dos Ministérios. No dia 10, três alunos foram detidos – um por desacato, um por dano ao prédio e outro por pichação. Manifestantes foram agredidos, policiais militares usaram spray de pimenta, uma vidraça do MEC foi estilhaçada e as seis faixas do Eixo Monumental, sentido Rodoviária, foram fechadas.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta