Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Produtores comemoram políticas públicas destinadas à área rural

Avatar

Publicado

em

Recuperação de estradas rurais e tubulação de canais na região do Descoberto foram algumas das ações destacadas em evento que contou com a participação do governador Rodrigo Rollemberg 

A Associação dos Produtores de Hortifrutigranjeiros do Distrito Federal e Entorno (Asphor) promoveu, neste sábado (11), encontro para celebrar as políticas públicas do governo de Brasília destinadas à área rural. O evento ocorreu em uma propriedade do Núcleo Rural Chapadinha, em Brazlândia, com a presença do governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg.

“Vivemos uma crise hídrica sem precedentes, após 16 anos sem grandes investimentos em obras de captação de água. Quero agradecer aos produtores pela ajuda nessa questão”, disse o governador, que citou as entregas dos SubsistemasLago Norte e Bananal, asobras em Corumbá 4 e aaprovação de financiamento internacional na Câmara Legislativa para combater a crise hídrica.

Leia também:  Crise para quem? Construção civil celebra altas históricas no setor

“Estamos avançando na compra de alimentos para abastecer as escolas, pagamos os produtores rurais em dia, temos aumentado a cada ano os recursos e o volume de compras da agricultura familiar”, destacou Rollemberg.

Estamos avançando na compra de alimentos para abastecer as escolas, pagamos os produtores rurais em dia, temos aumentado a cada ano os recursos e o volume de compras da agricultura familiarRodrigo Rollemberg, governador de Brasília

Recuperação de estradas rurais e tubulação de canais na região do Descoberto foram algumas das ações destacadas no evento, que contou com a participação do governador Rodrigo Rollemberg.

Os repasses do governo federal para o DF saltaram de R$ 1,2 milhão, em 2015, para R$ 6,2 milhões, este ano, dentro do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Trinta por cento desse recurso abastece a agricultura familiar.

Segundo o secretário da Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural, Argileu Martins, o estímulo à agricultura familiar tem impacto econômico e pedagógico. “Para o mercado institucional, o produtor rural tem todo um acompanhamento de técnicos da Emater-DF (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal). Com essa assistência, ele fica preparado para o mercado privado”, frisou.

Leia também:  Ibaneis fala em melhorar o astral da população para corrigir mal-estar social

Importância da ajuda do governo para a produção rural

Outras ações destacadas no evento foram a recuperação de estradas rurais, atubulação de canais na região do Descoberto e o convênio com a Fundação Banco do Brasil para recuperação de nascentes.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Ainda foram citadas pelos presentes outras intervenções em Brazlândia e arredores, como a recuperação do Balneário Veredinhas, a iluminação da DF-180 e a inauguração da ponte para Padre Lúcio (GO) nos próximos dias.

O presidente da Asphor, Djalma Machado, ressaltou a importância da ajuda do governo para a produção rural. “Com o recurso do PNAE liberado para o comerciante local, conseguimos nos organizar. A produção de diversas culturas em Brazlândia, como o morango, cresceu muito. Não precisamos mais buscar condições fora do DF.” Machado ainda reiterou a melhoria nas estradas e a menor perda de água como fatos a comemorar.

Leia também:  Para Ibaneis, seu governo “já entrou para a história”

Novo presidente da Emater dará prosseguimento ao bom trabalho

O novo presidente da Emater-DF, Roberto Guimarães Carneiro, tomou posse na sexta-feira (10). Hoje, ele fez a primeira aparição pública.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

“Vou dar prosseguimento ao bom trabalho que tem sido desenvolvido na Emater, e intensificar as ações de orientação quanto à água”, afirmou Carneiro.

O novo presidente da Emater tem 54 anos e nasceu em Brasília. Engenheiro agrônomo formado pela Universidade de Brasília (UnB) e com mestrado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Carneiro trabalha na Emater há 29 anos.

GUILHERME PERA, COM EDIÇÃO DE RENARO CARDOZO
AGÊNCIA BRASÍLIA

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *