Siga o Jornal de Brasília

Destaque

Tá Rosso pro lado de Rogério

Publicado

em

O Supremo Tribunal Federal tirou o sigilo de delações da Andrade Gutierrez na tarde desta terça-feira (30/05). Os termos de depoimentos trazem citações a políticos do Distrito Federal, como os ex-governadores Agnelo Queiroz (PT) e José Roberto Arruda (PR), além do ex-vice-governador Tadeu Filippelli (PMDB) e do deputado federal Rogério Rosso (PSD).

As delações embasaram a Operação Panatenaico, deflagrada na última terça-feira.

Rodrigo Ferreira delatou ainda a suposta solicitação de R$ 500 mil por parte de André Luís Carvalho da Motta e Silva, indicado como interlocutor pelo deputado federal Rogério Rosso em 2010, quando foi governador do Distrito Federal. “Durante a execução da referida obra, foram feitas solicitações de propinas por parte de Tadeu Filippelli e Agnelo Queiroz na ordem de 1% e de 2% a 3%, respectivamente”.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

O delator apontou ainda o pagamento de R$ 2 milhões a Arruda em 2013, para o pagamento de advogados contratados para defendê-lo em vários processos.

 

Helena Mader

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼
Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta