Jardim Botânico celebra 32 anos com abertura de parque infantil e de três estufas

Rollemberg inaugurou as novas estruturas nesta quinta-feira (9). Reserva fica aberta para visitação de terça a domingo, das 9 às 17 horas

O castelinho para as crianças brincarem não é como a maioria que se vê em parques infantis convencionais. Esse é amplo e foi construído basicamente com pneus e ferro.

A estrutura é apenas parte das mais novas construções do Jardim Botânico de Brasília. Com lugares que prometem estimular a imaginação infantil, o parque foi inaugurado pelo governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, nesta quinta-feira (9), durante cerimônia de aniversário de 32 anos do órgão, celebrado ontem.

As crianças que participaram da cerimônia não esconderam a empolgação ao explorar o Espaço Oribá ao lado do chefe do Executivo. “O Jardim Botânico é um espaço de entretenimento e lazer, além de ser um centro para pesquisas sobre o Cerrado e mananciais.”

O espaço fica ao redor do primeiro parquinho infantil construído no Jardim Botânico, que foi mantido. “É um lugar emblemático. Queremos preservar a memória afetiva que muitas pessoas, que vêm aqui há anos, têm”, destacou o diretor-executivo do Jardim Botânico de Brasília, Jeanitto Sebastião Gentilini Filho.

Com redários espalhados por vários pontos, o parque ainda tem uma oca indígena, cabo de guerra, amarelinha e área para rapel, além de brinquedos mais convencionais, como escorregador e balanços. O arquiteto do projeto é o diretor adjunto do órgão, Samuel John Guimarães.

Natureza e desenvolvimento infantil

Segundo Gentilini, foi feita uma pesquisa sobre o conceito do local. A grande preocupação foi construir um espaço que agregasse a natureza ao desenvolvimento infantil. O investimento foi de R$ 178.876,45, vindos de emendas parlamentares.

O Jardim Botânico também recebeu nesta manhã três estufas para abrigar pesquisas científicas. As coleções são de plantas suculentas, aquáticas e que atraem polinizadores.

As estufas ocupam uma área de 332 metros quadrados. Com os novos recintos, o público terá acesso facilitado a espécies antes usadas apenas para fins científicos.

Homenagem a servidoras do governo de Brasília

Mulheres importantes para as atividades do Jardim Botânico foram homenageadas na manhã de hoje pelo órgão. O diretor-executivo, Gentilini, aproveitou a proximidade com o Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março, para reconhecer o trabalho de cinco servidoras, como biólogas e educadoras ambientais.

A esposa e colaboradora do governo, Márcia Rollemberg, e a mãe do governador, Teresa Rollemberg, também foram homenageadas durante a cerimônia, além da secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos.

Jardim Botânico de Brasília

De terça a domingo

Das 9 às 17 horas

A entrada custa R$ 5. Crianças até 12 anos incompletos, idosos a partir dos 60 anos e pessoas com necessidades especiais não pagam.

Das 7 horas às 8h50, o acesso é permitido somente a pedestres e a ciclistas, sem cobrança de ingresso.

Send this to a friend