Siga o Jornal de Brasília

Grande Brasília

Empresários do Gama apresentam demandas do setor produtivo ao governo

Publicado

em

Rollemberg elencou realizações de sua gestão, como pavimentação de estradas e infraestrutura. Disse também que pretende, até abril, resolver questões relacionadas ao Setor Industrial Leste

Em encontro que avançou pela noite desta terça-feira (24), representantes do empresariado do Gama debateram suas demandas com o governo de Brasília para alavancar o setor produtivo. A reunião seguiu o formato de diálogo mantido pelo Executivo com outras regiões do Distrito Federal.

Acompanhado de assessores da área econômica, o governador Rodrigo Rollemberg deu retorno em relação aos principais pedidos. “É uma oportunidade de ouvir as reivindicações do setor produtivo, tão importante para o desenvolvimento da cidade, e fazer os encaminhamentos necessários”, disse ele.

Para o presidente da Associação Comercial e Industrial da região, Juneídes Fernandes da Silveira, é preciso união para que o setor cresça e ajude na geração de renda e de empregos. “Somos cidade referência no Entorno”, declarou. Ele citou demandas como a entrega de uma rodoviária e a construção de salas de cinema e de cultura no Gama.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

“É uma oportunidade de ouvir as reivindicações do setor produtivo, tão importante para o desenvolvimento da cidade, e fazer os encaminhamentos necessários” Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília

O empresário Paulo Octavio, um dos presentes, disse que construirá um shopping na região, com cerca de 150 lojas distribuídas em 90 mil metros quadrados de área. Ele pediu apoio para que a não haja entraves ao empreendimento. “Acreditamos na cidade e que este é o momento”, observou.

Rollemberg elencou algumas realizações de sua gestão, com destaque para as obras de infraestrutura no Condomínio Porto Rico. Ele disse que pretende, até abril, resolver questões relacionadas ao Setor Industrial Leste.

“Vamos construir um projeto de lei, que precisará ser submetido à audiência pública”. A ideia, segundo o governador, é definir regras para a área até que seja aprovada a Lei de Ocupação do Solo.

Sobre o shopping, ele disse que o governo estudará alternativas para que seja implementado. Além das obras de infraestrutura, citou a pavimentação de estradas importantes que servem à região.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

 

Mariana Damaceno, com edição de Vannildo Mendes
Agência Brasília

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta