Siga o Jornal de Brasília

Destaque

Vila Cauhy recebe vistoria preventiva antes das chuvas

Avatar

Publicado

em

Região no Núcleo Bandeirante foi visitada pela Defesa Civil. Na Roda de Conversa de 22 de setembro, moradores apresentaram ao governador a preocupação com o período

VINÍCIUS BRANDÃO

AGÊNCIA BRASÍLIA

Quatro agentes da Defesa Civil estiveram novamente na Vila Cauhy nesta semana para ações preventivas antes do período das chuvas. A região está entre as 36 áreas de risco de Brasília. As vistorias duraram três semanas, e a última ocorreu na quarta-feira (28). Em 22 de setembro, na Roda de Conversa do Núcleo Bandeirante com o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, os moradores expressaram preocupação com a proximidade da época chuvosa devido à situação das propriedades do local.

Vila Cauhy recebe vistoria preventiva antes das chuvas
Equipe da Defesa Civil faz vistoria na ponte sobre o Córrego Riacho Fundo. Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

As cerca de 470 residências da Vila Cauhy foram avaliadas. A quantidade não é precisa, porque reformas irregulares nos lotes alteram constantemente o número de construções. A ação é feita para cadastrar a situação das edificações, as vulnerabilidades da área e os telefones dos 1,88 mil moradores.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Em janeiro deste ano, o Córrego Riacho Fundo alagou a Vila Cauhy. A água subiu mais de oito metros e inundou casas próximo ao córrego. A Defesa Civil entrou em contato com a Companhia Energética de Brasília (CEB), para desligar a energia elétrica, e com a Companhia de Saneamento Ambiental do DF(Caesb), para verificar se a água tinha sido contaminada. A administração regional ajudou com a reconstrução e o Exército, com colchões. “Só saímos de uma área de risco quando a normalidade é restabelecida”, diz o coordenador de Planejamento, Monitoramento e Controle da Defesa Civil, major do Corpo de Bombeiros Militar Mário Henrique Furtado.

Contatos da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar

A Defesa Civil pode ser contatada pelo telefone (61) 3361-1935, das 8 às 18 horas. O atendimento também é feito em plantão de 24 horas por dia no número (61) 99427-5076. Em casos de emergência, a recomendação é chamar o Corpo de Bombeiros Militar do DF, pelo 193, ou a Polícia Militar do DF, pelo 190.

EDIÇÃO: RAQUEL FLORES

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *