Siga o Jornal de Brasília

Destaque

Brasília ferve e, para piorar, moradores enfrentam falta d’água

Avatar

Publicado

em

Existem relatos de desabastecimento em regiões como Brazlândia, Fercal e Planaltina e, segundo a Caesb, a explicação está no baixo estoque de água em função do período de seca. Há casos de moradores que estão mais de três dias com torneiras secas

A seca está castigando os brasilienses. Na quarta-feira (14/9), os meteorologistas registraram a temperatura mais alta do ano — 34.2ºC — e umidade de 15%. A situação é tão crítica que fez a Defesa Civil decretar estado de alerta. As queimadas se alastram e, para piorar, os reservatórios estão muito abaixo da capacidade. Com isso, moradores de algumas regiões, como Brazlândia, Fercal e Planaltina, já enfrentam falta d’água.

Para se ter ideia da gravidade da situação, nesta quarta, a Companhia de Saneamento do Distrito Federal (Caesb) suspendeu temporariamente o abastecimento em três cidades: Jardim Botânico, Sobradinho e Brazlândia. Os motivos alegados são o longo período de seca (desde 23 de agosto não cai uma gota de água no DF), os baixos níveis das captações e o aumento do consumo água, em função das altas temperaturas. De acordo com a empresa, a medida é necessária para preservar os reservatórios e evitar falta de água em maior proporção.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Leia mais em Metrópoles.com

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *