Antes da Operação Drácon, Liliane Roriz disse que apoiava emenda

Pouco mais de três meses depois de postar no Facebook que a liberação da emenda de R$ 30 milhões para a saúde ocorreu devido ao apoio dela, a distrital lavou as mãos em depoimento prestado ao Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT)

Nos depoimentos ao Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT), a deputada Liliane Roriz (PTB) atribuiu a responsabilidade pelas sobras orçamentárias de emendas remanejadas à Saúde ao distrital Julio César (PRB). A versão foi contada após a divulgação de áudios, gravados pela filha de Joaquim Roriz, denunciando um suposto esquema de pagamento de propina para favorecer empresas que prestam serviços de UTIs na rede pública. No entanto, em 1º de abril, a versão era outra. Liliane afirmou no Facebook dela que o apoio da distrital havia sido fundamental para que a emenda fosse aprovada.

Leia mais em Metrópoles.com

 

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

onze + 3 =

Send this to a friend