Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Vasco tem prazo de 3 dias para se manifestar sobre caso de homofobia

O Vasco venceu a partida por 2 a 0. A procuradoria pede que o clube informe quais procedimentos foram adotados de forma preventiva e repressiva durante o episódio

Avatar

Publicado

em

A Procuradoria da Justiça Desportiva deu prazo de três dias para que o Vasco da Gama preste esclarecimento sobre os cantos homofóbicos que partiram de alguns torcedores, no último domingo (25), durante jogo contra o São Paulo em São Januário.

O Vasco venceu a partida por 2 a 0. A procuradoria pede que o clube informe quais procedimentos foram adotados de forma preventiva e repressiva durante o episódio.  Após o prazo de três dias, será analisada a possibilidade de denúncia contra o clube. 

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Em nota oficial, o Vasco da Gama repudia “a manifestação de caráter homofóbico por parte de alguns de seus torcedores”. O clube lembrou ainda que “o combate a este tipo de postura não deve ser motivado pelo receio de punição desportiva (eventual perda de pontos), mas, sim, por uma questão de cidadania, respeito ao próximo e cumprimento da lei”.

A nota ainda destaca que o Vasco é a “casa de todos” e que vai promover ações educativas, contribuindo no processo de conscientização para “que atos de preconceito fiquem no passado”.

O treinador do São Paulo, Cuca, também falou sobre o episódio de homofobia. “É um caso delicado, mas o mundo muda e quem sabe a gente não possa ter, no futuro, outro tipo de gritos, que não sejam homofóbicos”, acredita Cuca.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Pela primeira vez na história do futebol brasileiro, um jogo foi paralisado por conta de manifestações homofóbicas. O juiz Anderson Daronco relatou o fato na súmula, como orienta o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que, dependendo do caso, não descarta punições mais graves aos clubes, como multa, perda de pontos e até a eliminação do campeonato.

Com informações da Agência Brasil

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *