Atleta do Flamengo ferido em incêndio deixa CTI

Cauan Emanuel passa bem e respira sem ajuda de aparelhos

O atleta Cauan Emanuel, ferido no incêndio que atingiu o centro de treinamento do Flamengo na última sexta-feira (8), deixou o Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Vitória na tarde de ontem (10). Segundo nota divulgada pelo Clube de Regatas do Flamengo, Cauan passa bem e respira sem auxílio de aparelho de oxigênio.

Outro atleta internado no Hospital Vitória, Francisco Dyogo, está em curva de melhora mas se recupera mais lentamente. De acordo com o Flamengo, ele segue com tratamento de fisioterapia respiratória no CTI.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Já o atleta Jhonata Ventura permanece estável, mas internado no centro de tratamento de queimados do Hospital Pedro II em estado grave. Ele está sedado e respirando com ventilação mecânica.

MP

Sepultamento do corpo do goleiro do Flamengo, Christian Esmério, de 15 anos, no Cemitério de Irajá. O atleta foi um dos 10 mortos no incêndio de sexta-feira (8) em um dos alojamentos do Ninho do Urubu.

O Ministério Público (MP) do Estado do Rio de Janeiro convocou uma reunião para esta segunda-feira para tratar do incêndio que causou a morte de dez adolescentes e deixou outros três feridos na sexta-feira no CT do Flamengo, localizado na zona oeste do Rio. O encontro reunirá autoridades do Estado, da Prefeitura do Rio e diretoria do clube carioca.

O MP informou que o objetivo da reunião é buscar soluções “imediatas” relativas às famílias atingidas, além de assuntos relativos à regularização das instalações do clube. O Corpo de Bombeiros informou que o CT não tem o Certificado de Aprovação emitido pela corporação, enquanto que a Prefeitura do Rio emitiu nota declarando que os alvarás estariam irregulares.

Além de promotores do MP, o encontro desta segunda contará com a presença de representantes do Ministério Público do Trabalho – que já abriu investigação sobre o caso -, da Defensoria Pública do Estado, da Secretaria de Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio. De acordo com o MP, a diretoria do Flamengo foi convidada e confirmou presença.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

17 + cinco =

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend