Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Cuca é absolvido pelo STJD e poderá comandar o Santos contra o Vasco

Publicado

em

O treinador foi julgado nesta segunda pela invasão de campo no clássico contra o São Paulo, no último dia 16.

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) absolveu o técnico Cuca e o liberou para que esteja no banco de reservas do Santos no confronto diante do Vasco, quinta-feira, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro.

Cuca foi enquadrado nos artigos 258 (assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código) e 258-B (invadir local destinado à equipe de arbitragem, ou o local da partida, prova ou equivalente, durante sua realização, inclusive no intervalo regulamentar) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Por conta disso, Cuca poderia ter pegado até nove jogos de gancho, mas agora está livre para comandar o Santos. Na partida em questão, o treinador invadiu o campo da Vila Belmiro depois que o árbitro Ricardo Marques Ribeiro apitou o fim quando o time da casa armava um contra-ataque, decretando o empate por 0 a 0.

Ricardo relatou o incidente na súmula. “Informo que após o término da partida, o sr Alexi Stival, técnico da equipe do Santos FC, invadiu o campo de jogo e com gestos acintosos e ostensivos se dirigiu até a equipe de arbitragem e proferiu as seguintes palavras: ‘Ricardo, você errou! Meu time faria o gol. Você me prejudicou, isto é uma sacanagem. Você vai ver na TV. Estou cansado de ser prejudicado. Sempre contra o Santos. Você errou, você errou, reconheça!’. O referido treinador resistiu em deixar o campo de jogo, sendo necessário que membros da sua comissão técnica e jogadores o retirassem do campo”, escreveu.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta