Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Se eu tivesse me jogado, talvez o juiz marcasse, reclama Miranda

Publicado

em

O jogo entre Brasil e Suíça, que terminou com empate em 1 a 1 na cidade de Rostov, na estreia dos times na Copa do Mundo de 2018, ficou marcado pela reclamação brasileira de uma falta sobre Miranda no gol de Zuber, no empate suíço.

O zagueiro reclamou por ter sido empurrado – o que realmente ocorreu -, mas o lance não foi revisto pelo árbitro de vídeo.

Após o jogo, em entrevista para a televisão, Miranda reclamou, mas disse entender que faz parte do jogo. “Se eu tivesse me jogado, talvez assinalasse mais o empurrão. Tem árbitro de vídeo, eles viram e acharam que não foi para tanto, a vida segue”, disse. Após o lance, brasileiros pediram a consulta do árbitro de vídeo e apontaram para o telão, mas o árbitro mexicano César Arturo Ramos não acatou o perdido.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Os brasileiros voltaram a reclamar da arbitragem de um suposto pênalti em cima de Gabriel Jesus, que também não foi assinalado pelo juiz nem revisado pelo árbitro de vídeo.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *