Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Médico diz que ‘colchão de hotel’ pode ter lesionado Marcelo

Publicado

em

Ao lado dos companheiros, o jogador não aparentou problemas mais sérios quando passou pelos jornalistas na zona mista.

Após um susto grande no início da partida desta quarta-feira (27), contra a Sérvia, o lateral esquerdo Marcelo deixou a arena Spartak andando sem maiores dificuldades.

Calado, o lateral não concedeu entrevistas. Coube ao médico Rodrigo Lasmar dar um panorama do caso após o espasmo na musculatura estabilizadora da coluna sofrido pelo jogador. O doutor pediu calma com a situação do camisa 12 e apontou que até mesmo o colchão do hotel onde a seleção estava hospedada por ter causado a situação.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

“Está muito cedo para fazer qualquer precisão ainda, ele respondeu muito bem ao tratamento e a fisioterapia, mas temos de aguardar talvez 24 horas para ter um diagnóstico. Pode ter relação com o colchão do hotel, a nossa expectativa é boa, mas ainda é muito cedo para prever o que vai acontecer nos próximos dias”, disse Lasmar.

Tranquilo, o médico da seleção brasileira destacou que não houve lesão na região da coluna e que Marcelo pode voltar ao campo tão logo esteja sem maiores dores.

“Com a medicação, costuma responder bem, mas ainda é cedo para ver o que vai acontecer nos próximos dias. Tudo depende da resposta que vai apresentar. Se ele tiver condições, ele pode jogar, mas depende da resposta. Como não tem uma lesão, não vai ter que esperar critérios de evolução. Quando ele tiver boas condições, ele volta a treinar. E, voltando a treinar, poderá jogar”, explicou.

Com pouco tempo de intervalo para o próximo jogo, Marcelo é dúvida na escalação para as oitavas de final, contra o México, na próxima segunda-feira (2).

Em um elenco recheado de problemas, a comissão técnica ainda trabalha para recuperar outros dois lesionados. “Danilo e Douglas ficaram fazendo recuperação, as informações que temos são boas. Danilo em fase mais avançada, a expectativa é boa, vamos aguardar até amanhã [quinta-feira] para um boletim mais atualizado”, finalizou Lasmar. Com informações da Folhapress.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *