Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Orgulhoso do Santos, Gabigol diz: “Se eu fosse completo, seria o Cristiano Ronaldo”

Avatar

Publicado

em

O atacante acredita que o elenco mostrou o seu valor ao vencer o rival diante de sua torcida por 2 a 1 antes das penalidades máximas.

Gabigol está orgulhoso do Santos após a eliminação na semifinal do Campeonato Paulista,com derrota nos pênaltis para o Palmeiras nesta terça-feira, no Pacaembu.

“A gente sai do Paulistão muito forte. A gente sabe da nossa qualidade e mostramos isso. Temos capacidade. Fizemos um grande jogo hoje. Eu tenho muito orgulho de todos”, disse Gabriel.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Durante a semana, o camisa 10 afirmou que estava em busca de ser um atacante completo, com participação não só em gols, mas com assistências e ajuda na marcação. Depois do clássico, o santista explicou a declaração de forma curiosa.

“Eu treino e me dedico bastante. E às vezes só o gol não é tão importante. Tem assistências, marcação, etc. Falei que gostaria de ser um atacante completo, não que eu sou. Se eu fosse, seria o Cristiano Ronaldo”, disparou.

Depois de início fulminante, com quatro gols em quatro jogos, Gabriel caiu de rendimento e não marca há seis partidas. Ele está suspenso para o próximo compromisso, diante do Estudiantes-ARG, em Quilmes, pela Libertadores.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *