Gustavo Scarpa aposta nos detalhes para vencer o São Paulo

A responsabilidade de vestir a camisa 10 no futebol é sempre grande e é preciso ser exemplo dentro e fora de campo para assumir esse compromisso.

Para Gustavo Scarpa, camisa 10 do Fluminense que assumiu a braçadeira desde a lesão do capitão Henrique, o desafio é imenso, mas bastante gratificante. O meia também falou sobre o confronto desta quarta-feira, 21h45 no Maracanã, quando o Tricolor encara o São Paulo pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“O capitão é o Henrique, só estou aguardando ele voltar, mas é muito gratificante. Eu tinha o sonho de jogar com a camisa 10 em um grande clube e consegui realizar isso. Não imaginava que em menos de um ano com a 10, também conseguiria ser capitão. É uma responsabilidade grande, mas o grupo procura tratar com a maior naturalidade possível, eles me respeitam e me ajudam bastante”, explicou Scarpa.

Feliz com a vitória sobre o Avaí no último domingo, o camisa 10 projetou o próximo confronto direto contra o São Paulo. “A gente sabe da importância que tem o jogo, o quanto a gente precisa vencer para se distanciar de uma vez por todas do Z4, mas também sabemos que ainda precisamos melhorar bastante. Espero que a gente consiga a vitória para subimos algumas posições, pois a proximidade com a parte debaixo ainda existe. Queremos vencer para se distanciar ainda mais”, disse.

A equipe paulista tem apenas um ponto a menos que o Flu e para Scarpa, o duelo será acirrado. “Eles tem um time bastante técnico, com jogadores de seleção, o Hernanes que passou pela Europa, é uma equipe de muita qualidade. No futebol, a gente sabe que não é só qualidade e determinação que ajudam a vencer os jogos, são detalhes que ajudam a decidir as partidas. E muitas vezes aconteceu com eles e com a gente. É uma equipe de qualidade, que tem condição de sair do Z4, mas esperamos que a gente consiga vencer e se distanciar deles”, declarou.

Para fazer a diferença, Scarpa aposta na força de vontade Tricolor e espera somar mais três pontos e subir na tabela de classificação. “Estamos preparados, com muita concentração. Claro que a tensão existe, mas nosso time tem muita personalidade, sabemos das dificuldades que vamos enfrentar. Vamos respeitar muito a equipe do São Paulo, mas ao mesmo tempo, vamos fazer o nosso jogo, tentar impor nosso ritmo e quem sabe, sair com a vitória e se distanciar da parte debaixo”, finalizou o camisa 10.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

dois × 5 =

Send this to a friend