Seleção brasileira de judô é convocada para o Mundial em Budapeste

A seleção brasileira de judô está definida para o Mundial, que vai ser disputado entre 28 de agosto e 3 de setembro em Budapeste. Nesta quarta-feira, a Confederação Brasileira de Judô (CBJ) anunciou a lista de lutadores convocados com 21 nomes, sendo 18 para o evento individual e três para a inédita disputa por equipes mistas.

O Mundial de Judô é a principal competição desta temporada, a primeira do ciclo olímpico para os Jogos de Tóquio, em 2020. E para a definição da equipe, a CBJ optou por levar os judocas mais bem ranqueados em suas respectivas categorias. E os dois medalhistas do País no último Mundial, em 2015 – Érika Miranda e Victor Penalber levaram o bronze – estão na lista.

“O Mundial é o nosso maior foco neste primeiro ano do ciclo olímpico Tóquio 2020 e estamos preparados para chegar bem a esta competição. Para isso, convocamos os nove melhores judocas brasileiros no Ranking Mundial da FIJ, tanto no feminino, quanto no masculino”, explicou Ney Wilson, gestor de Alto Rendimento da CBJ.

Com isso, o judô brasileiro contará em Budapeste com um misto de lutadores experientes com jovens promessas. É o caso da equipe feminina, que conta com as novatas Stefannie Arissa Koyama (48kg) e Samanta Soares (78kg) ao lado de Érika Miranda (52kg), Rafaela Silva (57kg), Mariana Silva (63kg), Ketleyn Quadros (63kg), Maria Portela (70kg), Mayra Aguiar (78kg) e Maria Suelen Altheman (+78kg).

A situação na equipe masculina é parecida, com o Brasil tendo dois estreantes em Mundiais: Phelipe Pelim (60kg) e Eduardo Yudi Santos. E a equipe é completada por Eric Takabatake (60kg), Charles Chibana (66kg), Marcelo Contini (73kg), Victor Penalber (81kg), Luciano Corrêa (100kg), David Moura (+100kg) e Rafael Silva “Baby” (+100kg).

Além deles, a CBJ também convocou Eduardo Katsuhiro Barbosa (73kg), Eduardo Bettoni (90kg) e Beatriz Souza (+78kg) exclusivamente para o evento de equipes mistas. Esse tipo de disputa vai ocorrer pela primeira vez em um Mundial, com os times sendo formados por seis judocas dos pesos 57kg, 70kg, +70kg, 73kg, 90kg e +90kg. Esse modelo de competição também foi aprovado para o programa olímpico dos Jogos de Tóquio.

A programação de treinos dos judocas brasileiros para o Mundial também já está definido, com a equipe feminina fazendo um camping de treinamento em Castelldefels, nos próximos dias, com embarque nesta quinta-feira, ficando na cidade espanhola até 7 de julho. Já o time masculino treinará em Houlgate, na França, de 17 a 27 de julho.

Depois, de 6 a 12 de agosto, a seleção vai treinar em Pindamonhangaba, no interior paulista. Os judocas brasileiros ainda farão uma aclimatação em Paris a partir de 19 de agosto, antes do embarque para o Mundial na Hungria.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

20 + cinco =

Mais lidas

Send this to a friend