Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Timão vence Universidad de Chile na estreia pela Conmebol Sul-Americana

Avatar

Publicado

em

Corinthians faz 2 a 0 em casa e leva vantagem ao Chile, podendo perder por um gol ou até dois se balançar as redes na partida de volta da primeira fase do torneio continental

Com sangue no olho, o Corinthians resistiu à pressão da Universidad de Chile, fez um gol em cada tempo e venceu o time chileno por 2 a 0 no jogo de ida da primeira fase da Conmebol Sul-Americana, na Arena Corinthians, nesta quarta-feira (05). Rodriguinho e Jadson marcaram os gols alvinegros na estreia do Timão na competição continental.

Com o retorno de , Fabio Carille pôde colocar o Corinthians novamente com o esquema que tem um jogo entre as duas linhas de 4 da defesa e do meio. Mas não contou com Fagner, suspenso. Assim, o Timão entrou em campo com Cássio; Léo Príncipe, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel; Jadson, Rodriguinho, Maycon e Romero; Jô.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Primeiro tempo truncado: A etapa inicial foi muito difícil para o Corinthians. Mesmo sendo visitante, La U não se intimidou, foi para cima e teve mais posse de bola. Cássio apareceu bem, com defesas em finalizações do time chileno. O Timão pouco agredia, sem conseguir invadir a área adversária.

Corinthians 1-0: La U atacou, chutou mais. Mas quem não faz toma. Foi assim aos 40 minutos do primeiro tempo, quando o Timão resolveu arriscar de longe. Gabriel acertou um grande chute de fora da área, que foi defendido pelo goleiro do time chileno, antes de a bola bater na trave. No primeiro rebote, Guilherme Arana bateu, para nova intervenção parcial do arqueiro. Só que a bola voltou a sobrar, dessa vez para Rodriguinho empurrar para as redes e abrir o placar.

Magic Jadson: No segundo tempo, La U investiu na mesma estratégia, com posse de bola e atacando sem medo. Mas o Corinthians soube resistir e atacar na hora certa. Aos 23 minutos, após cobrança de falta, a bola sobrou na medida para Jadson na entrada da área. O meia chutou rasteiro no canto do gol do time chileno e ampliou para o Alvinegro.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Cabia mais: Com uma vantagem confortável no placar, o Corinthians se soltou, podendo ter saído com um resultado mais elástico da Arena Corinthians. Aos 27 minutos, Jô arrancou em velocidade até a área chilena, mas chutou em cima do goleiro. Já aos 31, Clayton, que entrou no lugar de Rodriguinho, tabelou com Gabriel, ficou livre, só que também finalizou em cima do arqueiro de La U.

Vantagem no Chile: Dominando o segundo tempo, coube ao Corinthians administrar o 2 a 0, que dá uma razoável vantagem ao Timão na partida de volta. Para se classificar, o Alvinegro pode perder por um gol de diferença ou até dois, se fizer um, no jogo que acontecerá em Santiago (CHI), no dia 10 de maio.

Virando a chave: Mas o foco do Corinthians agora é o Paulistão Itaipava. Neste domingo (09), o Timão tem o jogo de volta contra o Botafogo-SP pelas quartas de final da competição estadual, na Arena Corinthians, às 16h. A equipe alvinegra precisa vencer para passar às semifinais. Um empate pela a disputa pela vaga para as cobranças de pênaltis.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Confira os gols da vitória do Timão contra a Universidad de Chile:

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *