Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Com oito pendurados, Tite manda recado a jogadores: “Preparem-se”

Brasília de Fato

Publicado

em

Tite

Daniel Alves, Miranda, Paulinho, Renato Augusto, Filipe Luís, Fernandinho, Giuliano e Douglas Costa estão a um cartão amarelo da suspensão; lista pode ganhar novidades

A seleção brasileira viajará a Montevidéu para enfrentar o Uruguai, no próximo dia 23 de março, com oito jogadores pendurados: quatro titulares e quatro reservas. Um alerta para quem está no banco ou mesmo fora da lista de convocação.

O lateral-direito Daniel Alves, o zagueiro Miranda, e os meias Paulinho e Renato Augusto estão com um cartão amarelo. Nas eliminatórias para a Copa do Mundo, bastam dois para suspender. No banco de reservas, também estão pendurados o lateral-esquerdo Filipe Luís, o volante Fernandinho, o meia Giuliano e o atacante Douglas Costa.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Se algum deles levar o segundo amarelo no Uruguai, a comissão técnica chamará um novo atleta para a partida do dia 28, diante do Paraguai, na Arena Corinthians. Isso aconteceu, por exemplo, em novembro do ano passado. Marcelo recebeu a advertência que causou sua suspensão na vitória por 3 a 0 sobre a Argentina.

Tite, então, promoveu Filipe Luís à vaga de titular e convocou Fábio Santos, do Atlético-MG, para ser seu reserva contra o Peru, em Lima.

– Temos oito atletas com cartão e tenho me valido dessas entrevistas para passar uma mensagem muito clara aos atletas: preparem-se, joguem muito nos seus clubes, tenham o condicionamento físico na plenitude. Se fizer bem, tenham um preparador físico pessoal, tenham uma nutricionista, a exigência é essa a atletas de alto nível. Precisamos desse tipo de comportamento – disse Tite, que elogiou o meia Diego, do Flamengo, por treinar nas férias.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

O alerta serve também para aqueles que são reservas imediatos dos pendurados. Casos de Fagner, Thiago Silva, Giuliano e Diego, todos com possibilidade de serem titulares na Arena Corinthians se os titulares forem punidos em Montevidéu.

Até agora, a seleção brasileira foi desfalcada seis vezes nas eliminatórias por suspensões: duas com Neymar, duas com David Luiz – uma por expulsão e outra por dois amarelos –, uma com Marcelo e outra com Paulinho.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *