Tentando surpreender, Brasília Vôlei recebe o Camponesa/Minas hoje (14)

Brasília Vôlei

Após a boa partida fora de casa contra o Vôlei Nestlé na última sexta, o Terracap/BRB/Brasília Vôlei terá outra pedreira pela frente. Rivais na Copa Brasil deste ano, o Brasília recebe o Camponesa/Minas no SESI-Taguatinga nesta terça-feira (14), às 20h. O confronto é válido pela sexta rodada do returno da Superliga. Os ingressos estão disponíveis na bilheteria do Ginásio e custam R$ 20 (meia). Não haverá transmissão pela TV.

Recheado de estrelas, o Camponesa/Minas não é mais o mesmo do primeiro turno. O time cresceu bastante depois da derrota para o Terracap/BRB/Brasília Vôlei em Belo Horizonte. Em ascensão, as mineiras já encostaram na disputa do G-4, ocupando a quinta colocação com 30 pontos. Uma posição acima, com dois pontos a mais, o Brasília poderá defender a permanência no G-4 em casa.

“É uma disputa saudável pelo G-4. As duas equipes estão brigando, mas agora é um outro momento. O Minas tem uma nova equipe e precisamos ter cuidado e jogar bem na relação bloqueio e defesa e acertar no contra-ataque”, afirmou Anderson Rodrigues.

Para parar o time de Jaqueline e Hooker, o Brasília precisará de disciplina tática e um saque efetivo. Mesmo sem muito tempo para trabalhar após a viagem à Osasco, Anderson  tem estudado bastante o adversário.

“Acredito que temos jogado bem contra os grandes porque temos nos preparado melhor a nível de concentração e tudo mais. Mas precisamos nos preparar melhor ainda contra os adversários diretos pois os grandes já têm seus caminhos traçados. Trabalhando mais podemos surpreender novamente”, explicou o treinador.

O histórico de confrontos entre brasilienses e mineiras é favorável ao time de Belo Horizonte. Foram sete encontros na Superliga Feminina, sendo 2 vitórias para o Brasília e cinco para o Minas.

“É um time que melhorou bastante com a Hooker e a Jaqueline, então ao todo teve muita evolução. Para vencer precisamos errar menos e ter muita atenção. Se obedecermos as marcações fica possível ganhar.”, enfatizou Roberta Silva. Ela ainda convidou a torcida. “Espero todos aqui no SESI-Taguatinga para nos incentivar e ser nosso sétimo jogador dentro de quadra porque precisaremos bastante desse apoio”, finalizou a central.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

1 × 5 =

Mais lidas

Send this to a friend