Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Mousasi faz grande luta, nocauteia Belfort e pede para enfrentar Spider

Avatar

Publicado

em

Vitor é resistente, mas perde segunda seguida e sai com rosto bem machucado. Card principal do UFC 204 tem ainda nocautaço de Manuwa e vitórias de Struve e Bektic

Por Ivan Raupp

Manchester, Inglaterra

Com uma grande performance, Gegard Mousasi mostrou que vive seu melhor momento no UFC. Na noite deste sábado, o iraniano naturalizado holandês teve pela frente uma pedreira, o perigosoVitor Belfort, mas se agigantou e conquistou a vitória por nocaute técnico no segundo round, com uma sequência de socos em pé e no chão que deixou o rival com o rosto bastante machucado. O duelo foi o penúltimo do UFC 204, em Manchester, Inglaterra.

Logo após a terceira vitória consecutiva, um confiante Mousasi apontou qual adversário quer enfrentar em sua próxima luta. Outra lenda brasileira, por sinal.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

– Quero lutar logo de novo. Anderson Silva é uma boa luta para mim – afirmou.

O primeiro round teve Mousasi estudando bastante a movimentação de Vitor e tentando a todo momento encurralar o brasileiro. Vitor jogou boas combinações de boxe, mas nenhuma acertou o adversário em cheio. Mousasi também soltou o braço em alguns momentos, mas Vitor conseguiu se esquivar rapidamente. No minuto final, Mousasi acertou um direto e em seguida buscou a queda, mas só conseguiu no estouro do cronômetro.

Vitor Belfort perde para Mousasi (Foto: Getty Images)Vitor Belfort perdeu para Mousasi por nocaute técnico (Foto: Getty Images)

Mousasi começou bem o segundo assalto ao agarrar a perna de Vitor em um chute e contragolpear com um belo direto. Ele seguiu pressionando e balançou o brasileiro com outro soco certeiro. Sem perder tempo, foi para cima com tudo e jogou uma sequência de socos. Vitor sentiu e foi quedado. No chão, Mousasi montou e bateu em um Vitor que resistia, mas mal conseguia se defender, fazendo o árbitro interromper o duelo aos 2m43s.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

– Ele é uma lenda, lutar contra ele é uma honra. Gosto muito do Vitor, ele é um cara muito legal, além de ser um grande atleta. Ele tem um chute muito bom de esquerda, mas ele não viu meu chute entrando. E quando consigo encaixar, vou muito bem – disse o vencedor após a luta, mostrando respeito por Belfort, que sofreu a segunda derrota seguida – havia perdido de Jacaré.

MANUWA APLICA NOCAUTE IMPRESSIONANTE EM ST. PREUX

Jimi Manuwa se recuperou da derrota por nocaute para Anthony Johnson dando a Ovince St. Preux um revés na mesma moeda. Aos 2m38s do segundo assalto, o inglês acertou um cruzado devastador de canhota e colocou St-Preux para dormir.

Jimi Manuwa Ovince St. Preux (Foto: Getty Images)Jimi Manuwa nocauteou Ovince St. Preux (Foto: Getty Images)

St. Preux começou trocando alguns golpes em pé com Manuwa, mas, ao perceber a pressão dos golpes do oponente, encurtou a distância, cinturou o inglês e o levou até a grade. Manuwa conseguiu se livrar na primeira ocasião, mas, quando Ovince teve outra oportunidade de cinturar, levou a luta para o chão e a manteve ali até o fim do assalto.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Na segunda parcial, Manuwa sobrou. O inglês manteve a luta na trocação e começou a castigar duramente o haitiano, principalmente com socos no corpo. St. Preux sentiu o cansaço e, já com a guarda baixa, virou alvo fácil. Encurralado contra a grade, ele tomou um cruzado de direita e se desequilibrou. Foi o tempo de Manuwa “calibrar” a mão esquerda e desferir outro potente cruzado, que desta vez foi decisivo – St. Preux “apagou” com o golpe e despencou na lona.

STRUVE USA JIU-JÍTSU AFIADO PARA FINALIZAR OMIELANCZUK

Conhecido pela excelente guarda, Stefan Struve apostou mais uma vez no jiu-jítsu e conseguiu impor a Daniel Omielanczuk a primeira derrota por finalização de sua carreira, aplicando um triângulo de mão com 1m41s do segundo round.

Stefan Struve Daniel Omielanczuk (Foto: Getty Images)Stefan Struve finalizou Daniel Omielanczuk com triângulo de mão (Foto: Getty Images)

Trinta e um centímetros mais alto do que Omielanczuk, Struve apostava na maior envergadura para minar seu oponente com chutes no corpo. O polonês, por sua vez, buscava o queixo de Struve o tempo inteiro, mas não obtinha sucesso. O holandês, então, encurtou a distância e derrubou Omielanczuk. No solo ele foi melhor, mas não conseguiu finalizar no primeiro assalto.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Percebendo a grande superioridade no jiu-jítsu, Struve trocou apenas alguns golpes e levou logo o combate para o chão no segundo round. Não demorou muito para ele encaixar um triângulo de mão e, quando Omielanczuk tentou escapar, acabou ajustando ainda mais a finalização, obrigando-o a desistir da luta.

BEKTIC JUSTIFICA FAVORITISMO E “PASSEIA” CONTRA DOANE

Uma das grandes promessas do UFC, Mirsad Bektic chegou à sua 11ª vitória consecutiva ao finalizar Russell Doane aos 4m22s do primeiro round. Como entrou no duelo de última hora, substituindo Arnold Allen, Doane parecia em outro ritmo. Bektic não perdoou. Já estava melhor em pé e, quando optou pela luta de solo, logo encaixou um mata-leão e finalizou o combate, mantendo sua invencibilidade.

Mirsad Bektic Russell Doane (Foto: Getty Images)Mirsad Bektic confirmou favoritismo e bateu Russell Doane (Foto: Getty Images)

– São quatro vitórias no UFC, duas por decisão, um nocaute e uma finalização. Ganhei de um grappler, de um striker, e acabei de finalizar um cara. Posso fazer tudo. Acho que todos têm que olhar para mim com cuidado, pois vou ser o campeão, é meu destino. Dana, me alimente, estou faminto! – disse Bektic ainda no cage.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *