Siga o Jornal de Brasília

Esporte

Gerente diz que Corinthians terá novo técnico este ano; Oswaldo é o favorito

Avatar

Publicado

em

Alessandro Nunes admite que o Timão deve anunciar um novo treinador para a reta final do Brasileirão e da Copa do Brasil. Técnico do Sport é o preferido do presidente

Por Carlos Augusto Ferrari, Diego Ribeiro e Lucas Liausu

São Paulo e Recife

Oswaldo de Oliveira é o favorito a assumir o Corinthians após o período de interinidade de Fábio Carille. Treinador do Sport no Campeonato Brasileiro, o carioca de 65 anos é o nome preferido do presidente Roberto de Andrade, que terá em 2017 o último ano de sua gestão. A tendência é que um acerto ocorra já nos próximos dias, e que ele comande o time na reta final do Brasileirão e também da Copa do Brasil

Apesar do favoritismo, Oswaldo sofre resistência interna no Timão. Andrés Sanchez, ex-presidente que segue com enorme influência nos bastidores do clube, tenta já há alguns meses articular a contratação de Eduardo Baptista. O treinador, porém, já tem acordo com a Ponte Preta para seguir em Campinas na próxima temporada, o que deverá ser respeitado.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Em entrevista à Rádio Bandeirantes nesta terça-feira, o gerente de futebol Alessandro Nunes admitiu que a tendência é que um novo treinador chegue para na reta final da temporada.

– Possivelmente teremos um treinador em 2016, estamos caminhando para uma situação como essa e isso deve acontecer. Estamos muito distantes de 2017 ainda, tem muitos jogos, muitas responsabilidades ainda em 2016, e precisamos realmente que o Corinthians volte a alcançar os resultados que estamos acostumados a ver. Estamos conversando, diretoria e departamento de futebol, para encontrar uma solução. Possivelmente (será em breve), não dá para cravar – disse Alessandro.

No Corinthians, Oswaldo foi campeão paulista e brasileiro em 1999, e faturou ainda o histórico Mundial de Clubes em 2000. Quatro anos depois, teve nova passagem pelo clube paulista, essa sem sucesso. Ao todo, comandou o Timão por 114 partidas.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Com o Sport em 16º lugar no Brasileirão, ameaçado pelo fantasma do rebaixamento, Oswaldo de Oliveira vem sendo constantemente questionado em Recife pela torcida pernambucana.

No Recife

A reportagem do GloboEsporte.com conversou com pessoas que convivem diariamente com Oswaldo de Oliveira no Sport e tomou conhecimento que o assunto de fato já vem sendo comentado com frequência nos bastidores da Ilha do Retiro. Uma possível saída do treinador ainda nesta semana inclusive já virou tema de conversa de alguns jogadores nos vestiários.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Oswaldo de Oliveira está no comando do Sport há quase seis meses e ainda não conseguiu agradar ao torcedor. Em 33 jogos, foram apenas nove vitórias, nove empates e 15 derrotas. O treinador acumula o percentual de apenas 36%, o que faz com venha sendo constantemente cobrado nas arquibancadas da Ilha do Retiro. No jogo contra o Coritiba, por exemplo, chegou a discutir com alguns rubro-negros que estavam no setor de sociais.

O GloboEsporte.com tentou entrar em contato com a diretoria de futebol do Sport nesta terça-feira, mas não obteve sucesso. O vice-presidente do clube, Arnaldo Barros, e o diretor executivo de futebol, André Zanotta, estão a caminho de Chapecó, onde o Leão joga nesta quarta-feira, contra a Chapecoense.

Caso o técnico Oswaldo de Oliveira deixe de fato o comando do Sport, a tendência é que o auxiliar da casa, o ex-volante Daniel Paulista, assuma a equipe de forma interina até a contratação de um novo profissional. Daniel já comandou o clube por um jogo no ano passado, mas foi derrotado pelo Vasco, na Série A.

▼ CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ▼

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *