Indefinição cerca o DM do Galo, que espera ter time encorpado no clássico

Contra o Flu, Atlético-MG deve ter poucos atletas que retornam de lesões; Contra o Sport, tendência que seja mais, e contra o Cruzeiro, 80% dos que estão no Departamento Médico

O técnico Marcelo Oliveira tem esperança de contar com o retorno do lateral Marcos Rocha e do volante Júnior Urso para o banco de reservas, na partida contra o Fluminense, segunda-feira, às 20h (de Brasília), no Rio de Janeiro. Mas o treinador não demonstrou segurança ao falar da volta de atletas que estão se recuperando de lesões para o jogo de segunda-feira. Tudo porque a recuperação dos atletas é um mistério para a imprensa que acompanha o dia a dia do clube. Além de o Atlético-MG não informar o tempo de recuperação, os jogadores que se recuperam apareceram pouco no gramado quando a imprensa está presente.

O único que iniciou o processo de transição dos trabalhos para o gramado foi o volante Júnior Urso. O lateral Marcos Rocha não apareceu no gramado durante o período que os repórteres estiveram no CT alvinegro. Entretanto, o treinador espera pelos dois para a partida contra o Fluminense.

O zagueiro Erazo, que se recupera de entorse no joelho direito, e o lateral Patric, que se recupera de estiramento, estiveram no campo e fizeram apenas corrida nos últimos dois dias. O goleiro Victor também apareceu no gramado na sexta-feira, quando fez um rápido trabalho com bola. Ele sentiu um edema na coxa direita.

A expectativa maior gira em torno do meia Juan Cazares. O equatoriano já apareceu no gramado e fez exercícios físicos e rápido bate-bola. A maioria dos atletas em recuperação deve estar à disposição do técnico Marcelo Oliveira para o duelo contra o Sport, na próxima quinta-feira, no Independência.

Júnior Urso Atlético-MG (Foto: Bruno Cantini/ Flickr Atlético-MG)
Júnior Urso será uma das novidades no banco contra o Flu (Foto: Bruno Cantini/ Flickr Atlético-MG)

Apenas sem dois

A tendência é que Marcelo Oliveira tenha várias opções para escalar a equipe no clássico contra o Cruzeiro, no domingo, dia 17, com 80% dos que estão no departamento médico já de volta ao time. O atacante Luan e o volante Leandro Donizete, com estiramentos, são os únicos que não devem ficar à disposição do treinador na próxima semana.

– Essa é uma expectativa boa. Mas com todos esses desfalques e a possibilidade de não escalar o time base, nos estamos a quatro pontos do líder. É uma condição boa. Mais uma semana e incluindo os jogadores que estão fora, a gente vai encorpando. É o momento de definição. Esperamos encaminhar alguma coisa nesse momento importante para o Atlético-MG – disse o treinador.

O Galo está na briga pela liderança do Campeonato Brasileiro. Com 42 pontos, a equipe tem quatro pontos a menos que o Palmeiras, líder da competição.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

dois × 1 =

Send this to a friend