Oito anos após quase se enfrentarem, Arlovski e Barnett finalmente duelam

Luta entre os pesos-pesados chegou a ser agendada pela Affliction MMA, mas acabou não saindo do papel; UFC Alemanha conta ainda com Gustafsson e dois brasileiros

Por Combate.com

Hamburgo, ALE

Neste sábado, no UFC Alemanha, que acontece em Hamburgo, Andrei Arlovski e Josh Barnett medirão forças em uma luta que estava nos planos para acontecer oito anos atrás, no extinto Affliction MMA.

A franquia, que originalmente era uma marca de roupas, investiu pesado para tentar concorrer com o UFC na promoção de eventos de MMA. O duelo foi agendado para o dia 11 de outubro de 2008, em Las Vegas, cidade considerada a “casa” do Ultimate. Segundo Barnett, esse foi o grande problema para a luta não ter ocorrido.

– Eu os avisei: “Sejam a marca do sul da Califórnia e depois partam daí. Mas vocês não querem ir para Vegas. Vocês se tornaram inimigos do UFC, não vão conseguir se dar bem em Vegas. Eles vão usar de todos os meios, legais ou não, para garantir que isso não aconteça” – contou o americano ao site “MMA Junkie”.

Barnett estava certo. O duelo entre os ex-campeões do UFC não foi o suficiente para vender ingressos em Las Vegas, e a Affliction foi obrigada a transferir o show para o sul da Califórnia. O evento foi remarcado para o dia 24 de janeiro, mas a luta acabou não acontecendo. A franquia, então, fechou uma parceria com outra organização, a EliteXC, e tentou reagendar o aguardado combate. Mas a negociação com Barnett não foi para frente, e o americano acabou substituído pelo gordinho Roy Nelson. Arlovski, que nocauteou Nelson na ocasião, deixa a entender que a luta só não aconteceu por conta de Josh.

– Vocês deveriam perguntá-lo por quê. Eu sei por que essa luta não aconteceu, mas não vou começar com rumores. Vou ser politicamente correto – comentou Arlovski sobre o ocorrido.

Neste sábado, os dois tentam se recuperar de reveses no UFC e colocar um ponto final no embate que está para acontecer há oito anos. Arlovski vem de derrotas para Stipe Miocic e Alistair Overeem, enquanto Barnett perdeu sua última luta para Ben Rothwell.

Alexander Gustafsson (Foto: Getty Images)
Alexander Gustafsson faz “duelo europeu” com Jan Blachowicz (Foto: Getty Images)

No co-evento principal, Alexander Gustafsson tenta retomar o posto de desafiante dos meio-pesados diante de Jan Blachowicz. O sueco acumula derrotas para Anthony Johnson e Daniel Cormier. Já o polonês vem de vitória sobre Igor Pokrajac.

Dois brasileiros integram o card preliminar: vindo de derrota para Jason Saggo, Leandro Buscapé encara o russo Rustam Khabilov; e seu xará, Leandro Brodinho, mede forças com o francês Taylor Lapilus. Ambos vêm de reveses.

O Combate transmite o UFC Hamburgo ao vivo e com exclusividade a partir das 12h (horário de Brasília) neste sábado, com Tempo Real e transmissão das duas primeiras lutas pelo Combate.com. Confira os valores registrados por cada lutador na pesagem desta sexta-feira.

UFC Alemanha
3 de setembro, em Hamburgo (ALE)
CARD PRINCIPAL (a partir das 16h, horário de Brasília):
Peso-pesado: Andrei Arlovski x Josh Barnett
Peso-meio-pesado: Alexander Gustafsson x Jan Blachowicz
Peso-meio-pesado: Ryan Bader x Ilir Latifi
Peso-leve: Nick Hein x Tae Hyun Bang
CARD PRELIMINAR (a partir de 12h, horário de Brasília)
Peso-meio-médio: Jessin Ayari x Jim Wallhead
Peso-meio-médio: Peter Sobotta x Nicolas Dalby
Peso-galo: Ashlee Evans-Smith x Veronica Macedo
Peso-galo: Taylor Lapilus x Leandro Issa
Peso-pesado: Jarjis Danho x Christian Colombo
Peso-médio: Scott Askham x Jack Hermansson
Peso-leve: Rustam Khabilov x Leandro Buscapé

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

dezessete − oito =

Send this to a friend