Siga o Jornal de Brasília

Teatro

Espetáculo {Entre} Cravos & lírios volta aos palcos de Brasília para curta temporada no Teatro do Sesc Garagem

Brasília de Fato

Publicado

em

Espetáculo {Entre} Cravos & lírios volta aos palcos de Brasília para curta temporada no Teatro do Sesc Garagem

As apresentações serão nos dias 8, 9 e 10 de março

Nos dias 08, 09 e 10 de março (sexta a domingo), o Teatro Sesc Garagem recebe o espetáculo teatral cômico {Entre} Cravos & lírios, com direção de Lidiane Araújo e atuação de Denis Camargo e Ana vaz, vencedora do Prêmio Sesc do Teatro Candango em 2014 como melhor atriz pelo espetáculo.

O espetáculo {Entre} Cravos & lírios traz à cena uma dupla de excêntricos vagabundos que vivem à margem da sociedade. Um deles, faz do cemitério o seu lar, movido pelo desejo de jamais ficar longe do túmulo daquela que um dia foi sua amada. O outro é um andarilho que faz do lixo sua companhia mais preciosa. O encontro inusitado entre essas figuras solitárias promove situações tragicamente cômicas que retratam com simplicidade diversos aspectos da miséria e da poética humana, em sua nobre capacidade de viver e conviver, apesar de tudo.

Espetáculo teatral cômico {Entre} Cravos & lírios. Foto: Divulgação

Espetáculo teatral cômico {Entre} Cravos & lírios. Foto: Divulgação

O espetáculo tem suas cenas construídas por meio de ações, desenvolvidas a partir das técnicas da comicidade, da palhaçaria e do processo colaborativo. Além disso, traz como inspiração a clássica cena “ser ou não ser” presente em Hamlet de William Shakespeare, o conto Meu primeiro amor de Samuel Beckett e O capote de V. Gogol que propõem a reflexão “ser ou ter, eis a questão?”, dentre outras referências.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No dia 08 de março terá sessão extra com recurso inclusivo para atender pessoas cegas (audiodescrição). A audiodescrição transforma imagens em palavras, possibilitando que cenários, figurinos, personagens e ações sejam conhecidos pelas pessoas com deficiência visual, se configurando como importante ferramenta de acessibilidade e inclusão.


SERVIÇO
Dias 08, 09 e 10 de março de 2019
Teatro Sesc Garagem – SEPS Q 713/913, Asa Sul
Sexta às 16h e 20h, sábado e domingo, sempre às 20h
Entrada: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)
Classificação indicativa: 12 anos
Duração: 70 minutos

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

Melhores do Mundo grava espetáculo no CEU das Artes de Ceilândia

A filmagem ocorreu, na sexta-feira (5), em uma das salas do espaço que é mantido pela Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF)

Avatar

Publicado

em

Integrantes da Companhia de Comédia “Os Melhores do Mundo” escolherem o Centro de Artes e Esportes Unificados – CEU das Artes – da QNR 2 de Ceilândia para fazerem a gravação de cenas do espetáculo “Mercedez com Z” para divulgação na internet. A filmagem ocorreu, na sexta-feira (5), em uma das salas do espaço que é mantido pela Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF).

“Ficamos felizes porque um grande grupo de teatro escolheu o CEU das Artes para fazer esse trabalho. É uma forma de fortalecer a divulgação e promoção desse equipamento público”, afirmou o subsecretário de Direitos Humanos e Igualdade Racial da Sejus, Juvenal Araújo. O DF conta com três CEUs das Artes, sendo dois na Ceilândia e um no Recanto das Emas.

O subsecretário aproveitou a oportunidade para colocar a estrutura do órgão à disposição da companhia para futuras parcerias. “Gostaríamos muito que eles fizessem apresentações em um dos nossos equipamentos ou para discutirmos alguma parceria”, completou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O ator Adriano Siri gostou da proposta. Natural do Rio de Janeiro, mas morador de Brasília há 40 anos, o integrante da Cia Os Melhores do Mundo se disponibilizou a encontrar uma brecha na agenda para fazer uma palestra para jovens da periferia e que tenham interesse em trabalhar com arte.

 “O DF é a nossa casa. Queremos chegar nas pessoas. Posso conversar com o pessoal, falar da minha experiência, contar a histórias do grupo. Tem muita história para contar. É importante para quem tá começando ou para quem sonha com a vida de artista ouvir experiências, orientações e dicas”, disse Adriano Siri.

Da terrinha

Conhecido em todo o país, o grupo teatral nasceu, em 1995, no Distrito Federal. A gravação contou com a presença dos atores Adriana Nunes, Adriano Siri, Ricardo Pipo, Similião Aurélio, Abaeté Quiroz, Rodrigo Fernandes (Jacaré Banguela) e Marcelo Linhos, diretor técnico da companhia.

O vídeo é para disponibilização no canal do YouTube “Cutículas”. Mantido pelas atrizes Adriana Nunes, única mulher da companhia Os Melhores do Mundo”, e Juliana Guimarães, o canal trata com humor questões do universo feminino.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com informações da Agência Brasília

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

Humorista Evandro Santo apresenta stand-up com lançamento nacional em Brasília

Brasília de Fato

Publicado

em

Em ‘Personas’ o artista explora as diversas personalidades de seu lado humano e artístico, recheado de bom humor, irreverência e com bastante interatividade com a plateia

Famoso por ter dado vida ao personagem Christian Pior no programa televisivo e de rádio “Pânico”, o humorista Evandro Santo apresenta em Brasília, entre os dias 13 e 14 de abril, no Teatro da UNIP, seu mais novo espetáculo ‘Personas’.

O stand-up foi inspirado a partir de sua recente participação no reality A Fazenda, onde ficou conhecido entre os outros participantes como uma pessoa “duas caras” e de leva e traz.

“Personas é um show de humor divertido, humano, ousado e interativo. O conceito parte do princípio que no reality que participei me chamavam de “leva e traz” e “duas caras”, o que me incomodou muito porque eu não sou duas caras, sou pelo menos umas “quinze caras”, e foi a partir daí que eu tive a ideia de escrever um novo espetáculo, baseado em minhas personalidades”, revela o humorista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em sua última passagem por Brasília, Evandro Santo foi um sucesso absoluto, com quinze sessões lotadas em cinco dias. Desta vez, com um stand-up inédito e recém-lançado, o humorista vai proporcionar ao público presente a oportunidade de conhecer melhor sua personalidade e comportamento diante de inúmeras situações da vida do qual já passou, sendo contadas com bastante bom humor e um auto deboche.

“A peça é contada a partir da minha interatividade com a plateia. A proposta dela é fazer com que o público venha escolher uma persona minha, bonzinho, mau, romântico, inseguro, generoso, vingativo, entre tantas outras, e a partir daí, eu conto uma história, no qual a persona escolhida tem destaque. Agora, se são verdadeiras ou não, eu não conto”, brinca Evandro Santo.


Serviço
PERSONAS com Evandro Santo
Dias 13 e 14 de abril, no Teatro da UNIP (913 Sul). Sábado (13), às 21h e domingo (14), às 20h. Ingressos: R$ 60 (meia) para estudantes, professores, idosos, PNE ou doando 2 kg de alimentos não perecíveis. R$ 120 (inteira). Ingressos a venda pelo site www.furandoafila.com.br e em todas as lojas das Óticas Diniz.
Para mais informações: 4101-1121 ou 98144-1514. Não recomendado para menores de 16 anos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

G7 retorna com a comédia “O Melhor do Brasil é o Brasileiro”

Brasília de Fato

Publicado

em

Sucesso de público, a peça terá curta temporada na Asa Sul e em Taguatinga

O que é bom sempre volta! E a Companhia de Comédia G7 retorna aos palcos com a comedia O Melhor do Brasil é o Brasileiro em curtíssima temporada no Teatro Católica, em Taguatinga, e no Teatro Marista, na 615 Sul, em apenas três fins de semana com ingressos a partir de R$30.

Vale a pena ver de novo um dos grandes sucessos do G7 que, em 2018, levou mais de oito mil espectadores ao teatro. “Essa é uma das peças favoritas do público. Sempre ao fim de espetáculo recebemos perguntas de quando volta, então, voltamos!”, brinca Felipe Gracindo, um dos atores da peça.

A peça começa com três apresentações no Teatro Marista (615 Sul) nos dias 23 e 24 de março, às 19 e 21h30 no primeiro dia e às 20h no segundo, e segue para Taguatinga. Nos dias 30 e 31 de março, às 19h e às 20h respectivamente, a trupe apresenta o Melhor do Brasil é o Brasileiro no Teatro Católica (pistão sul). Nos dias 6 e 7 de abril, a peça retorna para o Teatro Marista para as duas últimas apresentações, sempre às 19 horas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cena do espetáculo “O Melhor do Brasil é o Brasileiro”. Foto: Divulgação

O país dos memes

Divertida e autocrítica, a peça traz uma profunda reflexão sobre nossa natureza brasileira, humana, e espalha uma mensagem positiva de esperança e amor. O espetáculo é uma homenagem ao povo brasileiro que apesar das lutas diárias, do descaso dos governantes e de todo sofrimento, continua festeiro e sorridente. Ao coletivo de pessoas que superam os obstáculos sem perder o típico bom humor brasileiro, que sempre “dá um jeitinho” que é só nosso e que também é imbatível em qualquer guerra de memes mundo a fora.

Quiz valendo 100 reais

Com paródias musicais, participação da plateia e muito improviso, a Cia. de Comédia G7 fala sobre as preferências dos brasileiros, as paixões, os chifres, os carnavais, os esportes e ao final apresenta o “Show do Cenzão”, em que uma pessoa da plateia concorre a R$100 no palco. Em cada sessão, caso responda as três questões feitas pelo personagem, a “vítima” pode ganhar ou perder, literalmente, uma nota.

Cena do espetáculo “O Melhor do Brasil é o Brasileiro”. Foto: Divulgação


SERVIÇO
O Melhor do Brasil é o Brasileiro
-23 de março (sábado) às 19h e 21h30; 24 de março (domingo) às 20h30 – Teatro Marista (615 Sul)
– 30 de março (sábado) às 19 horas; 31 de março (domingo) às 20h – Teatro Católica (Universidade Católica – Pistão Sul)
– 6 de abril (sábado) às 19h; 7 de abril (domingo) às 19h – Teatro Marista (615 Sul)
Ingressos a partir de R$ 30,00 ( meia-entrada )
Pontos de Venda: UP GRADE 415 Sul ( Sem Taxas ) e G7comedia.com
Ingresso Social: doação de 1 kg de alimento não-perecível
Pontos de Vendas: Up Grade 415 Sul (sem taxas) e no site www.G7comedia.com
*Meia-entrada: Todos os casos previstos em lei.
Informações: (61) 99351-1369 (com What’sapp)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

Cia Néia e Nando abre temporada 2019

Brasília de Fato

Publicado

em

Cia Néia e Nando abre temporada 2019

Patinho Feio, a centenária obra do dinamarquês Andersen é adaptada em musical para falar sobre diversidades aos pequenos

A história original de Andersen, que é sucesso absoluto desde 1843, será apresentada pela Cia Teatral Néia e Nando, nos finais de semana de fevereiro, no Teatro da Escola Parque 307/8 sul. A adaptação especial dessa produção é de Néia Paz, que transforma a obra em um belíssimo musical.

Em resumo, a trama fala de um filhote de cisne que é chocado por uma pata. Por ser diferente dos irmãos, o pequeno é perseguido e maltratado pelos patos e galinhas. Um dia, cansado de tanta humilhação, o intitulado patinho feio foge do ninho. Mas, quando chega a primavera, abre suas asas e transforma-se em um belíssimo cisne. Apesar das ofensas dos irmãos patinhos, a mamãe pata cuidava do seu filhote como se ele fosse igual a todos os outros.

Patinho Feio, o musical da Cia de Teatro Neia e Nando

Patinho Feio, o musical da Cia de Teatro Neia e Nando

“Por meio dessa adaptação, pretendemos incentivar o convívio com as diferenças, sempre de maneira harmônica e social. Para nós, ser diferente é normal “, declara o diretor Nando Villardo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Patinho Feio, o musical da Cia de Teatro Neia e Nando

Patinho Feio, o musical da Cia de Teatro Neia e Nando

Sobre a Cia

Em abril, a Néia e Nando Companhia Teatral completa 2 décadas, em Brasília. Cia que construiu e consolidou seu sucesso nos palcos da capital, especializando-se em produções voltadas ao universo infanto-juvenil. Os idealizadores, atores e diretores Néia Paz e Nando Villardo, comandam juntos a trupe de 60 integrantes, 200 produções e coordenam uma agenda lotada com apresentações em teatros, shoppings e festas. Durante esses 20 anos, subiram aos palcos mais de 3 mil vezes.

A Cia também forma talentos com a escola de teatro Néia e Nando. Um corpo discente de 200 crianças e adultos. São 17 turmas, divididas por faixa etária, a partir de 4 anos. Para saber mais www.neiaenando.com.br .


Serviço:
Cia Teatral Néia e Nando apresenta O Patinho Feio
De 02 a 24 de fevereiro
Sábados e Domingos
Somente às 17 horas
Teatro da Escola Parque da 307/8 Sul
Ingressos à venda na bilheteria do teatro 3 horas antes de cada sessão
R$ 40,00 (inteira) R$ 20,00 (meia)

Ingressos antecipados na sede da Cia
Livre para todos os públicos
Duração: 50 minutos

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Informações:
www.neaienando.com.br
(61) 3443-3149 (Bilheteria do Teatro)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

Musical brasiliense “Maré Cheia” concorre ao Prêmio Brasil Musical

Brasília de Fato

Publicado

em

Musical brasiliense "Maré Cheia" concorre ao Prêmio Brasil Musical

Dirigido por Gabriela Abreu, o espetáculo aborda as relações humanas e temas como o preconceito e a intolerância

O teatro musical brasileiro ganhou uma premiação de nível nacional, o Prêmio Brasil Musical. As categorias vão além do eixo Rio-São Paulo e reconhecem também os melhores trabalhos em outras regiões do país.

Os vencedores das categorias serão definidos de duas maneiras: parte por votação do júri e outra parte por votação popular. 

Este é o caso no musical 100% do “quadradinho”, Maré Cheia, do grupo DeAraque – Iniciativas Teatrais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O espetáculo, conta a história de Maria, mulher de passado misterioso que possui uma forte ligação com o mar, e as consequências dessa relação sobrenatural. Quando seu companheiro, o pescador Tião, desaparece em meio a uma tempestade, Maria descobre em si um poder desconhecido que afetará irrevogavelmente sua vida e a vida de sua comunidade. O espetáculo aborda as relações humanas em uma cidade litorânea e isolada do país, com personagens que refletem tipos icônicos da identidade nacional.

Conheça um pouco do espetáculo Maré Cheia

Teaser do musical Maré Cheia

Maré Cheia concorre ao prêmio de Melhor Musical – Centro-Oeste e seu voto pode ajudar a trazer o prêmio para a capital! 

Para participar, clique aqui.

Os vencedores serão revelados pela Internet entre os dias 2 e 3 de fevereiro.

Veja algumas imagens do musical

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

Espaço Cena começa o ano com espetáculo Diário de um maluco

Brasília de Fato

Publicado

em

Espaço Cena começa o ano com espetáculo Diário de um maluco

A peça de Larissa Zampaulo terá sessões nos dias 18, 19 e 20 de janeiro

Textos de grandes clássicos da literatura e da música compõem o monólogo musical Diário de um maluco. O espetáculo questiona o conceito de loucura por meio da mistura de poesias, frases, músicas de Raul Seixas e trechos dramáticos de obras como Dom Quixote e Alice no país das maravilhas. Diário de um maluco terá apresentações únicas, às 20h, entre 18 e 20 de janeiro de 2019.

O monólogo dirigido por Larissa Zampaulo e atuação de Bile Zampaulo é baseado em uma tese de doutorado sobre Raul Seixas. No texto, o autor revela informações sobre o aumento de manicômios no Brasil durante o período da ditadura militar. Zampaulo utiliza o palco para mostrar a indignação com esse ocorrido e provoca o público a uma reflexão sobre um acontecimento real do país.

Diário de um maluco. Foto: Divulgação

Diário de um maluco. Foto: Divulgação

Sobre o Espaço Cena

Com uma proposta de conectar os agentes culturais de Brasília e aproximar a comunidade teatral do Cena Contemporânea, o Espaço Cena surgiu em 2005 como um centro de pesquisa e informação. O local recebe atividades artísticas que vão de teatro a lançamentos de livros e está localizado 205 Norte, quadra conhecida pelas diferentes características arquitetônicas e repleta de iniciativas culturais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Espaço é a casa do Grupo Cena, coletivo de teatro formado por importantes atores brasilienses, e serve de ponto para reuniões e ensaios de peças aclamadas na cidade, como Fronteiras e Varsóvia. Outro projeto desenvolvido por lá é o Cena Contemporânea, cuja equipe é responsável pela criação e manutenção do local. O Festival Internacional de Teatro de Brasília ocorre anualmente e reúne espetáculos de todo o mundo em Brasília.


Serviço
Dias 18, 19 e 20/1
Horário: 20h
Classificação indicativa: 12 anos
Local: Espaço Cena (CLN 205, Bloco C, Loja 25, Térreo)
Telefone: 3349-3937
Horário de funcionamento: De segunda a sexta, das 9h às 17h
Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada), para as peças.
As oficinas são gratuitas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

João, Joãozinho, Joãozito

Brasília de Fato

Publicado

em

Espetáculo João, Joãozinho, Joãozito. Foto: Divulgação

Espetáculo da companhia de teatro de Rainha de Copas que conta a infância do escritor mineiro João Guimarães Rosa estreia em janeiro com temporadas em teatros de Planaltina, Samambaia e Asa Norte

Com dramaturgia e direção de Ana Flávia Garcia e elenco formado pelas atrizes Marilia Cunha e Nadja Dulci, a companhia de teatro Rainha de Copas estreia no próximo dia 12 de janeiro o espetáculo “João, Joãozinho, Joãozito”, que conta a infância do escritor João Guimarães Rosa, o menino introspectivo e imaginativo que se tornou um dos mais importantes escritores brasileiros do Século 20 de renome mundial. A peça, inspirada na obra homônima do escritor de livros infanto-juvenis Cláudio Fragata, vencedor do Prêmio Jabuti de 2014, circulará pelo Distrito Federal, com apresentações nos dias 12 e 13 de janeiro (sábado e domingo), às 16h, no Teatro Lieta de Ló (Planaltina), com entrada franca. Nos dias 19 e 20 de janeiro, (sábado e domingo) às 16h, no Espaço Imaginário (Samambaia), também com entrada franca. Encerrando a temporada, nos 26 e 27 de janeiro e 2 e 3 de fevereiro (sábado e domingo), as apresentações acontecem no Teatro Mapatí (Asa Norte), ingressos a R$ 20,00 (a meia-entrada para estudantes, menores de 12 anos e maiores de 65 anos R$ 10,00). A classificação indicativa é livre para todos os públicos. O espetáculo “João Joãozinho Joãozito” é realizado com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal, da Secretaria de Estado de Cultura do Distrito Federal.

As salas de espetáculo têm acesso para pessoas com deficiência. As sessões dos dias 2 e 3 de fevereiro (sábado e domingo) contarão com tradução em LIBRAS. As pessoas interessadas em reservar ingressos podem fazê-lo pelo e-mail [email protected] até um dia antes de cada espetáculo. As reservas são válidas até 30 minutos antes de cada apresentação.

Espetáculo João, Joãozinho, Joãozito. Foto: Divulgação

Espetáculo João, Joãozinho, Joãozito. Foto: Divulgação

As atrizes Marilia Cunha e Nadja Dulci se revezam na interpretação do menino João e de Miguilim, personagem infantil de Guimarães Rosa que se encontra com seu criador criança e se torna o companheiro de aventuras solitárias. A representação da criança se transforma e se alterna no palco, fugindo do estereótipo do menino em uma visualidade que se constrói a partir do olhar do espectador. “A criança não racionaliza como o adulto”, afirma Marilia Cunha. “Ela ressignifica as situações ao acessar sentimentos vividos, entendo que pode se colocar no lugar da personagem e se transportar para o universo dela, que é muito parecido ao de qualquer criança que tem tempo para divagar e imaginar outros mundos”, completa Nadja Dulci.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Entre bois, pastos, formigas, trens, a casa, o armazém da família e livros em Cordisburgo (MG), a dramaturga e diretora Ana Flávia traduz para o palco as aventuras, a imaginação e as sutilezas de um menino que observa o espaço ao seu redor e descobre o mundo, que ele retrataria em um futuro próximo em sua vasta produção literária, em especial no clássico universal “Grande sertão: Veredas”. Para apresentar a história do “menino flor, menino rosa… João Rosa” ao público de todas as idades, Ana Flávia buscou uma linguagem minimalista, envolvente e sensorial, que mescla falas, fisicalidade das atrizes e sons do sertão mineiro, que dialogam com o cenário, assinado pelo cenógrafo e diretor Jonathan Andrade, pela iluminação, da diretora de iluminação Ana Quintas, e o figurino criado por Vanderlei Costa.

Espetáculo João, Joãozinho, Joãozito. Foto: Divulgação

Espetáculo João, Joãozinho, Joãozito. Foto: Divulgação

“Quando criança, João Guimarães pôde dedicar-se às delicadezas, brincando com carrinhos de lata, esperando a boiada passar. A dramaturgia respeitou essa sutileza para construir uma narrativa que convida o público para revelar em conjunto esse criador que também é criatura”, afirma a diretora. As falas são organizadas em blocos narrativos que reúnem trechos do texto de Cláudio Fragata, citações de Guimarães Rosa e texto de Ana Flávia, permeados pela trilha sonora criada pelo músico Léo Terra. A sonoplastia que acompanha o espetáculo traz sons de sinos, vento, pasto bois, apitos entre outros e músicas criadas pelo músico em parceria com Ana Flávia e a canção original composta entre a diretora e Alessandro Lustosa, tendo o som da rabeca e da viola como elementos que trazem a memória do sertão para o palco.

Ana Flávia ressalta que ao longo do processo de criação, ficou claro que o minimalismo seria o estilo preponderante para acessar todas as camadas de significação da obra. Atrizes, trilha sonora, cenário, iluminação e figurino são elementos à serviço da dramaturgia. As diferentes técnicas dialogam muito no sentido da simplicidade. “É uma decisão política de usar o mínimo de elementos: sem sobras nem arestas para aparar. A única literalidade será a presença de dois livros usados em cena. É uma simbologia por trás das escolhas”, diz a diretora. E ressalta: “O momento que vivemos hoje, com falta de estímulo para a leitura, a crise das livrarias, leva a essa presença material única”. A luz entra como parte importante da cenografia, fortalecendo o conceito mínimo. “Se tivermos um chão e um céu já está resolvido: um grande pasto verde e um céu nublado e um menino no meio”, completa.

Programação paralela

Como parte da programação do espetáculo, no dia 26 de janeiro, às 10h, o escritor Cláudio Fragata lançará o livro “João, Joãozinho, Joãozito, o menino encantado” e falará com o público na Banca da 308 Sul, a Banca da Conceição. O Encontro com o escritor tem participação aberta ao público e classificação é livre para todos os públicos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Serviço

João, Joãozinho, Joãozito
Espetáculo da companhia de teatro Rainha de Copas
Duração | 50 minutos
Facebook | @teatrojoaozito
Instagram | @joaojoaozinhojoaozito
Temporada Planaltina |12 e 13 de janeiro, sábado e domingo
Horário | 16h
Local | Teatro Lieta de Ló
Endereço | Rua Hugo Lobo Quadra 46 Casa 790 Setor Tradicional
Planaltina – DF
Telefone |(61) 99654-7815
Entrada Franca
Lotação | Sujeito à lotação / 32 lugares
Classificação indicativa | Livre para todos os públicos
Acesso para pessoas com deficiência
Reserva de ingressos | Até 1 dia antes do espetáculo
Pelo e-mail [email protected]
Confirmação de reservas até 30 minutos antes do espetáculo

Temporada Samambaia |19 e 20 de janeiro, sábado e domingo
Horário | 16h
Duração | 50 minutos
Local | Espaço Imaginário
Endereço | QS 103 Conjunto 05 – Lote 05
Samambaia Sul – DF
Telefone |(61) 3013-1610
Entrada Franca
Lotação | Sujeito à lotação / 40 lugares
Classificação indicativa | Livre para todos os públicos
Acesso para pessoas com deficiência
Reserva de ingressos | Até 1 dia antes do espetáculo
Pelo e-mail [email protected]
Confirmação de reservas até 30 minutos antes do espetáculo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Temporada Asa Norte |26 e 27 de janeiro e 2 e 3 de fevereiro
Sábado e domingo
Horário | 16h
Duração | 50 minutos
Local | Teatro Mapati
Endereço | 707 Norte Bloco K Loja 5
Asa Norte – Brasília
Telefone |(61) 3347-3920
Entrada | R$20,00 (inteira) R$10,00 (meia-entrada)
Lotação | Sujeito à lotação / 95 lugares
Classificação indicativa | Livre para todos os públicos
Acesso para pessoas com deficiência
As sessões dos dias 2 e 3 de fevereiro contarão com tradução em LIBRAS
Reserva de ingressos | Até 1 dia antes do espetáculo
Pelo e-mail [email protected]
Confirmação de reservas até 30 minutos antes do espetáculo

Programação paralela:
Encontro | com o escritor Cláudio Fragata
Lançamento do livro | João, Joãozinho, Joãozito, o menino encantado
Local: Banca da 308 Sul
Endereço| SQS 308 – Entrada da quadra
Brasília – DF
Entrada Franca
Classificação indicativa | Livre para todos os públicos

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

CANCELADA: Peça Sonho de uma noite de verão não terá mais sessões nos dias 7, 8 e 9 de dezembro

Brasília de Fato

Publicado

em

Projeto Ocupa Cena - Espetáculo: Sonho de uma noite de verão. Foto: Diego Bresani

O espetáculo seria apresentado no Espaço Cena e foi cancelado devido a problemas de saúde de um dos atores

A peça Sonho de uma noite de verão, do Grupo de teatro Celeiro das Antas, não terá mais as sessões de 7 a 9 de dezembro no Espaço Cena. A apresentação fazia parte da temporada mensal do projeto Ocupa Cena e foi cancelada devido a um acidente sofrido por um dos atores que integrava o elenco da peça. O espetáculo será reagendado em breve e a nova data comunicada à imprensa e ao público. Ainda não existe uma programação substituta para o fim de semana.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Teatro

Projeto Ocupa Cena encerra temporada 2018 com a peça Sonho de uma noite de verão

Brasília de Fato

Publicado

em

Projeto Ocupa Cena - Espetáculo: Sonho de uma noite de verão. Foto: Diego Bresani

O espetáculo do Grupo de teatro Celeiro das Antas será apresentado nos dias 7, 8 e 9 de dezembro

Após dois meses de espetáculos e oficinas, o projeto Ocupa Cena encerra as atividades de 2018 com apresentação da peça  Sonho de uma noite de verão. O Grupo de teatro Celeiro das Antas traz ao palco o texto de William Shakespeare nos dias 7, 8 e 9 de dezembro, em sessão única às 20h.

A adaptação apresentada no Espaço Cena narra, em tom de comédia, os encontros e desencontros de quatro histórias de amor. O universo lúdico e mágico dos casais apaixonados ganha vida por meio das narrações e canções interpretadas por quatro atores no palco.

Espetáculo “Sonho de uma noite de verão”. Foto: Diego Bresani

As programações do Ocupa Cena continuam em janeiro com a oficina “Produção Cultural”. A exposição fotográfica Projeto Re(vi)vendo Êxodos fica à disposição do público no Ocupa Cena de 14 de fevereiro a 14 de março. O conjunto é resultado do trabalho do professor Luis Guilherme Baptista com alunos do Colégio do Setor Leste. A visitação será gratuita e ficará aberta no horário de funcionamento do Espaço Cena.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A oficina “A foto da cena” ocorre durante o mês de abril. Em maio é a vez dos filmes tomarem conta do local. A Mostra de filmes produzidos no DF ocorre nos dias 2, 9, 16, 23 e 30 e terá a presença de atores e cineastas para um bate-papo ao fim das exibições.

Sobre o Espaço Cena

Com uma proposta de conectar os agentes culturais de Brasília e aproximar a comunidade teatral do Cena Contemporânea, o Espaço Cena surgiu em 2005 como um centro de pesquisa e informação. O local recebe atividades artísticas que vão de teatro a lançamentos de livros e está localizado 205 Norte, quadra conhecida pelas diferentes características arquitetônicas e repleta de iniciativas culturais.

O Espaço é a casa do Grupo Cena, coletivo de teatro formado por importantes atores brasilienses, e serve de ponto para reuniões e ensaios de peças aclamadas na cidade, como Fronteiras e Varsóvia. Outro projeto desenvolvido por lá é o Cena Contemporânea, cuja equipe é responsável pela criação e manutenção do local. O Festival Internacional de Teatro de Brasília ocorre anualmente e reúne espetáculos de todo o mundo em Brasília.

Sonho de uma noite de verão

A comédia do Grupo de teatro Celeiro das Antas aborda os encontros e desencontros de quatro histórias de amor que se desenrolam em meio a equívocos, gerando situações cômicas. Quatro atores se desdobram em cena contando, cantando e descrevendo trajetórias que dão vida ao universo lúdico e mágico dos casais apaixonados. O texto do espetáculo é 100% de Shakespeare, com adaptações que preservam a poética Shakesperiana.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Dias 7, 8 e 9/12
Horário: 20h
Classificação: 12 anos
Texto: William Shakespeare
Direção: José Regino
Elenco: Elisa Carneiro, Felix Saab, Kelly Costty e Rodrigo Lelis
Músicas: João Veloso e Grupo
Iluminação: Zizi Antunes e José Regino
Figurinos: O Grupo
Realização: Grupo de Teatro Celeiro das Antas
Produção: Marcela Regina


Serviço
Local:
Espaço Cena (CLN 205, Bloco C, Loja 25, Térreo)
Telefone: 3349-3937
Horário de funcionamento: De segunda a sexta, das 9h às 17h
Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada), para as peças.
As oficinas são gratuitas.

Continue lendo

Teatro

Curso de Teatro Néia e Nando abre matrículas para turmas 2019

Brasília de Fato

Publicado

em

Curso de Teatro Néia e Nando abre matrículas para turmas 2019

O Curso de Teatro Néia e Nando, um dos mais tradicionais de Brasília, abre inscrições para as turmas de 2019

As turmas são divididas por faixa etária e abrangem conteúdos como desinibição, improvisação, consciência corporal, vocal e atividades em grupo. Os alunos aprendem a trabalhar coletivamente por fazerem parte de uma engrenagem.

A companhia organiza turmas para adultos e crianças a partir de 4 anos. Já a partir dos 12 anos, os pequenos contam com aulas teóricas sobre a história do teatro, cenografia e podem ter contato com caracterização de personagens, figurino, maquiagem e elementos expressivos da linguagem teatral.

No decorrer do ano, os alunos participam de festivais internos como o de Esquetes, festivais de dança, entre outros, como forma de exercitar e colocar em prática, no palco, o que é passado em aula. A turma também tem à sua disposição a estrutura e equipe que fazem os espetáculos da companhia. “Mesmo sendo amadores, oferecemos momentos profissionais aos estudantes. Só assim poderão vivenciar o ser ator”, explica o diretor da companhia, Nando Villardo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Curso de Teatro Néia e Nando. Foto: Divulgação

Curso de Teatro Néia e Nando. Foto: Divulgação

O curso é totalmente inclusivo, sendo indicado como prática auxiliar, por exemplo, para alunos com autismo. No decorrer das atividades, o conteúdo abrange áreas cognitivas ideais para quem quer estimular a relação com a plateia, com o trabalho em grupo e com suas próprias formas de expressão. “Muitos alunos são matriculados no teatro por indicação de profissionais que trabalham com educação e comportamento. É comum inclusive esses alunos receberem alta de suas terapias e continuarem no curso”, explica o diretor da Cia Nando Villardo.

Ao longo dos 20 anos da companhia e do curso de teatro, já passaram pelos palcos da Néia e Nando mais de 3 mil alunos de todas as idades. Os idealizadores, atores e diretores Néia Paz e Nando Villardo, comandam juntos a trupe de 60 integrantes, 200 produções e coordenam uma agenda lotada com apresentações em teatros, shoppings e festas.

Atores que hoje fazem parte da cena teatral e musical nacional como Daniel Cabral, Carolina Rocha e Luisa Viotti, além das gêmeas Taissa, Tainá e Taiana Carvalho, hoje atuando em Los Angeles. Da companhia também saíram nomes que contribuem ativamente para a cena cultural de Brasília, como os atores Fábio Gomes, Similião Aurélio, Loreta Martins, Gabriela Correa e Tainá Balbez.

Sobre a Cia

Com quase duas décadas de existência, a “Néia e Nando Companhia Teatral” construiu e consolidou seu sucesso nos palcos da cidade, especializando-se

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

em produções voltadas ao universo infanto-juvenil. Os idealizadores, atores e diretores Néia Paz e Nando Villardo, comandam juntos a trupe de 60 integrantes, 200 produções e coordenam uma agenda lotada com apresentações em teatros, shoppings e festas.  Durante esses 19 anos, subiram aos palcos mais de 3 mil vezes.

A Cia também forma talentos com a escola de teatro Néia e Nando. Um corpo discente de 200 crianças e adultos. São 17 turmas, divididas por faixa etária, a partir de 4 anos. Para saber mais www.neiaenando.com.br .


Novas Matrículas Curso de Teatro Néia e Nando
De 10 de dezembro a 10 de janeiro
Mensalidades: 12 parcelas de R$ 350,00
Taxa de  matrícula: R$ 480,00
Local para inscrições:
Sede  da Cia Néia e Nando – 510 sul bloco C loja 22 – Asa Sul
Segundas-feiras das 14h às 18h e  de terça a sexta-feira,  das 9 h às 18h
Informações: 3242-5278 / 9.8199-2120
www.neiaenando.com.br | facebook\neiaenandociateatral

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Curso de teatro Néia e Nando
Turmas divididas por faixa etária, a partir de 4 anos
Fevereiro a dezembro de 2019
Sempre aos sábados das 9 às 12 h
Local: Escola Parque 307/308 sul

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Continue lendo

Mais Lidas