Caravana Artetude leva circo itinerante a cidades do DF

A Circo Teatro Artetude, criado pelo Irmãos Saúde, leva a arte circense com alegria  e muita reflexão para diversas cidades do país, há 16 anos. A trupe chega com o ônibus que é um picadeiro móvel e se aproxima do público com vivências e oficinas de perna de pau e malabares. Em seguida, os artistas partem para os espetáculos “O Grande Circo dos Irmãos Saúde” e “Brincadeiras de Circo”, que trabalham diferentes técnicas e expõem, de forma lúdica, temas que norteiam as escolhas cotidianas: sexo, fé, autoridade, consumo, preconceito e educação.

Com o patrocínio do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal – FAC/DF, no próximo dia 29 de abril, os Irmãos Saúde iniciam uma nova turnê com o projeto Caravana Artetude para beneficiarem comunidades do DF.  Três cidades irão receber o Circo Teatro Artetude e sua lindinha (o ônibus-picadeiro). No domingo (29), a partir das 15h,  a trupe desembarca em Santa Maria. Na terça-feira, dia 1º de maio, feriado do Dia do Trabalho, às 15h, será a vez do Riacho Fundo I rir e se divertir. A parada final dessa turnê pelo entorno é no domingo (6/05), no Gama, onde os palhaços se apresentam, às 15h. Em breve, a trupe segue com a turnê pelos estados de Goiás, Tocantins e Minas Gerais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


A proposta é a descentralização e democratização do acesso da população longe dos grandes centros à cultura. “É de fundamental importância promover a inclusão cultural dessas comunidades e estimular um convívio pacífico por meio da arte e cultura de forma lúdica e criativa”, afirma Ankomarcio Saúde, o palhaço Chaubraubrau. Os Irmãos Saúde acreditam que a turnê contribui na criação de um novo mercado para dar vazão aos produtos culturais criados em Brasília. “Muitas vezes, os espetáculos ficam restritos a apresentações apenas nos centros das grandes cidades, onde se encontram a maior parte dos teatros e equipamentos culturais capazes de abrigar essas manifestações”, aponta Ruiberdan Saúde, o palhaço Raquaqua.

O Artetude colabora com a criação de ações que servem como opção de cultura e lazer para crianças e jovens que muitas vezes por falta de opção contribuem com o aumento do índice de violência no Brasil. O mesmo jovem que se sente desafiado a experimentar drogas ou álcool pode ser seduzido pelo desejo de se tornar um palhaço, um perna de pau ou executar um salto mortal. Que simbolicamente representa um salto na melhoria de vida.

“Mais do que levar a arte para essas comunidades, queremos contribuir para que as pessoas, em especial os jovens que participam das nossas oficinas ou espetáculos, possam se transformar em seres humanos melhores. Lembrar que existem vários caminhos. Que a droga, a violência, o preconceito e outros males da sociedade atual estão aí, mas podemos escolher e construir algo melhor pra nós mesmos e para a comunidade onde vivemos”, explica Ankomárcio Saúde.  “Discutimos como nossas escolhas influenciam diretamente em nossa vida. Não pretendemos mostrar as respostas prontas, mas construí-las coletivamente”, complementa Ruiberdan Saúde.

Programação da Caravana Artetude:

Santa Maria
Domingo, 29 de abril
Local: Praça central de Santa Maria, próximo ao coreto
Oficina de malabarismo e perna de pau, às 15h
Espetáculo, às 17h

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

Riacho Fundo I
Terça-feira, 1º de maio
Local: Área verde ao lada da biblioteca do Riacho Fundo I
Oficina de malabarismo e perna de pau, às 15h
Espetáculo, às 17h

Gama
Domingo, 6 de maio
Local: Parque do setor leste do Gama
Oficina de malabarismo e perna de pau, às 15h
Espetáculo, às 17h

SOBRE OS ESPETÁCULOS

“Brincadeiras de Circo”

Cinco palhaços revivem a magia do circo tradicional. Especialmente voltado para o resgate e reintrodução da linguagem do teatro de rua, e do “brincar” popular, o espetáculo é rico em elementos como canções populares, jogos acrobáticos, mágicas, brincadeiras de roda, equilibrismo, malabarismo e muita palhaçada. A montagem homenagea as origens do circo e conta com a presença dos palhaços Mandioca Frita, Chalbralbral, Raquaquá, Tapioca e Espiga de Milho.

Ficha técnica

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Realização: Circo – Teatro Artetude
Direção: Irmãos Saúde e Mandioca Frita
Coordenação Geral: Ankomárcio Saúde Rodrigues
Produção: Ruiberdan Saúde Caetano
Direção Musical: Pablo Ravi Maroccolo
Elenco: Ankomárcio Saúde, Ruiberdan Saúde, Julio Cesar Macedo, Marco Aurélio Feresin e Pablo Ravi Maroccolo

“O Grande Circo dos Irmãos Saúde”

O espetáculo é feito por dois amigos, irmãos e palhaços, que usam elementos de esquetes tradicionais, temperadas com manobras acrobáticas e números de malabares, no qual exercitam a incrível e maravilhosa arte da convivência. Um jogo em que os sentimentos oscilam da raiva ao amor em segundos, os irmãos exploram cenas cotidianas que levam ao espetáculo e ao espectador a dúvida se aquilo é ou não verdade. Esse trabalho que tem a simplicidade da rua e a grandiosidade do circo.

Ficha técnica

Realização: Circo – Teatro Artetude
Direção: Irmãos Saúde
Coordenação Geral: Ankomárcio Saúde Rodrigues
Produção: Ruiberdan Saúde Caetano
Direção Musical: Pablo Ravi Maroccolo
Elenco: Ankomárcio Saúde, Ruiberdan Saúde, Pablo Ravi Maroccolo e Marco Aurélio Feresin
Parceiros: Grupo Cultural Pé de Cerrado

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


SOBRE O CIRCO TEATRO ARTETUDE

O Circo Teatro Artetude é uma trupe que estuda e desenvolve a tecnologia para espetáculos de rua. O grupo, com quinze anos de existência, conta com quatro espetáculos: Brincadeiras de Circo, Grande Circo dos Irmãos Saúde, Patralhões, A Ceita e Clownbaré (Show de variedade).

Em seu ônibus equipado com som, luz, cinema e picadeiro, que ora é camarim, ora é picadeiro, a trupe viaja por todo o Brasil. A bordo desse circo sobre rodas, já participaram dos principais festivais de palhaço e circo do país, como SESC Fest Clown(DF), Anjos do Picadeiro(RJ), Fiac(BA), Palco Giratório, Tangolomango(RJ,CE e PE), Mostra seu nariz(PR), Festival de Cultura Popular (GO), Mostra SESC Cariri de cultura(CE), Festival de Circo do Brasil (PE), Festival Mundial de Circo(MG), Mostra Zezito de Circo(DF), Festival Internacional de Circo(RJ), Brasil Junino (Portugal e Espanha)  entre outros.

O Circo Teatro Artetude acredita no circo como instrumento para a construção de um pensamento novo, baseado em sentimentos como respeito, disciplina, confiança e perseverança. Sentimentos muito importantes para a formação de um cidadão capaz de contribuir para a formação de um mundo novo e sustentável.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

9 − 3 =

PUBLICIDADE

Mais lidas

PUBLICIDADE

Send this to a friend