Netflix perde US$ 39 mi por escândalo de Spacey

Um escândalo de conduta sexual imprópria envolvendo Kevin Spacey custou ao serviço de streaming de vídeos Netflix cerca de US$ 39 milhões no final do ano passado, conforme a companhia encerrou projetos associados com o ator, disse na segunda uma fonte com conhecimento da questão.

A Netflix informou que o prejuízo é relacionado a conteúdo não divulgado que “nós decidimos não seguir em frente”.

O prejuízo da Netflix é um dos primeiros sinais públicos de custos financeiros a um estúdio ou produtora após acusações de condutas impróprias.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

dois × 2 =

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Send this to a friend