Siga o Jornal de Brasília

Celebridades

‘Acho que ninguém é gay ou hétero’, diz Fernanda Nobre

Avatar

Publicado

em

Fernanda Nobre não ficou cabreira por ser chamada para entrar em “A lei do amor” apenas no último capítulo, no ar nesta sexta-feira. A participação da atriz, apesar de pequena, promete ser marcante, já que a bela vai dar vida a Gabi, namorada de Flávia (Maria Flor). Após namoros frustrados com Élio (João Campos) e Misael (Tuca Andrada), a DJ vai encontrar a felicidade nos braços da loura.

— Recebi o convite semana passada e fiquei empolgadíssima. Gosto da novela e atuar ao lado de Maria, que conheço desde a adolescência, vai ser bem bacana. O que me deixou bem animada também é ter a possibilidade de discutir liberdade sexual, de gênero, questões tão pertinentes atualmente, mesmo numa pequena participação — comemora a atriz, de 33 anos, cuja personagem será apresentada à família de Flávia já como namorada.

Fernanda, aliás, não vê com surpresa a DJ terminar a novela com uma mulher, mesmo a moça não tendo demostrando interesse pelo mesmo sexo durante toda a trama.

— O que acredito é que já estamos em 2017 e não podemos ter mais um pensamento tacanho sobre as coisas. Sei que é cultural, mas temos que fazer o exercício de deixar esse pensamento retrógrado e balizador. Por que não existe o que balizar no que se refere ao amor e aos encontros. Não importa o gênero, a orientação sexual, somos todos iguais. Acho, inclusive, que ninguém é gay ou hétero. Quando a conexão se faz, o que fala mais alto mesmo é apenas o sentimento — discursa a atriz, namorada do diretor teatral José Roberto Jardim, que faz mistério sobre se terá beijo entre as personagens: — Não sei se vai ter, mas não será nenhum absurdo, não é?

Renovação veio com fim dos ciclos

“A lei do amor” marca a volta de Fernanda à TV Globo, após 15 anos.

— Comecei na Globo, aos 8 anos, em “Despedida de solteiro”. Fiz três anos de “Malhação” como Bia, uma personagem bem emblemática. Acho que quando voltar àqueles estúdios meu coração vai bater forte — diz a bela.

Por oito anos, a atriz foi da Record, mas não renovou com a casa. No mesmo ano (2012), terminou o casamento com o ator Gracindo Junior, que tinha o mesmo tempo de emissora: — Casei nova, comecei carreira criança, tive responsabilidades cedo. Precisava desse momento, ter coragem para mudar. Há cinco anos morei em Londres por seis meses e foi bom, me reinventei.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *